Fla disputa semi continental após 16 anos e espera não decepcionar mais uma vez

Definitivamente, a torcida rubro-negra esperava mais de 2017. Porém, o Flamengo chega na reta final da temporada com a possibilidade de conquistar um título inédito: a Copa Sul-Americana. Nesta quinta (23), o Mais Querido disputa novamente uma semifinal continental depois de 16 anos.

A última vez em que o Mengão esteve em estágio tão avançado em uma competição internacional foi em 2001. Na ocasião, superou o Grêmio, mas acabou com o vice-campeonato da Copa Mercosul. Na final, o San Lorenzo levou a melhor. Em 1999, o Rubro-negro venceu o Palmeiras e garantiu o título do mesmo torneio.

Desde então, o time da gávea vem colecionando vexames e quedas, como para o Palestino em 2016, mas em especial na Copa Libertadores. O Campeão Mundial de 1981 vem perdendo seu espaço no cenário internacional e acredita que a Sula pode finalmente iniciar a retomada de um tão sonhado protagonismo.

“A Sul-Americana merece respeito. É um título e com uma vaga direta na Libertadores. Você vê dificuldades diante das grandes equipes que ficaram fora. Aproveitamos para convocar os torcedores. É um momento extremamente importante para o Flamengo”, afirmou o meia Diego.

Para isso, o clube de maior torcida do Mundo terá de exorcizar alguns fantasmas. A eliminação vexatória na primeira fase da Liberta deste ano será o principal deles. Com um elenco repleto de expectativas, o Rubro-negro não venceu nem um jogo sequer fora de casa e caiu para adversários com investimentos consideravelmente inferiores.

Mas, essa está longe de ser a única decepção. Em 2014 e 2012, também caímos na primeira fase. Em 2008, perdemos por 3 a 0 para o América, em pleno Maracanã lotado. Sem dúvida, um dos maiores vexames da história do clube.

Em 2007, derrota para o Defensor-URU por 3 a 0 na partida de ida e vitória por 2 a 0 no Maracanã, com mais uma eliminação nas oitavas de final. Em 2002, outra péssima campanha e eliminação na primeira fase. São muitas as decepções para apagar. E o momento está longe de ser dos mais favoráveis. Porém, o Flamengo tem a chance de se recuperar. Levantar a Sul-Americana seria um afago no torcedor depois de uma temporada tão difícil.

“É vital pelas aspirações que se tem e pela meta que significa um torneio internacional. Tivemos insucesso na Libertadores e a irregularidade no Brasileiro. Está vivo esse sonho e serão jogos difíceis. Um bom resultado mudaria todo o ambiente e a confiança para terminar bem também no Brasileirão”, encerrou o técnico Reinaldo Rueda.

O jogo será às 21h45, deste dia 23, no Maracanã e o provável time titular é: Diego Alves; Pará, Réver (Rhodolfo), Juan e Trauco; Cuéllar, Willian Arão e Diego; Everton Ribeiro, Lucas Paquetá (Mancuello) e Felipe Vizeu.

Veja também

  • No que é uma vergonha um clube como o Flamengo ficar tanto tempo sem disputar uma semifinal de um torneio intercontinental,mais esse ano vamos quebrar esse tabu e vamos ganhar essa sulamericana,se Deus quiser!

  • Eu acredito em uma vitória nossa hj

  • E amigo mas isso foi no primeiro semestre.

  • Não passaram nem da pré libertadores…tomaram naba do fortissimo Tucuman…vamos passar fácil

    • Sem menosprezo, olhe a humildade

      • Humildade? Time medíocre, vamo passar o trator, venha me cobrar dps.

        • Kkkkkk

  • Sejamos francos, vamos enfrentar um dos melhores times das Américas e ainda decidir na casa deles (maior estádio da Colômbia) e o Flamengo é PÉSSIMO fora de casa.

    • Pois é, mas vamos ser otimistas e apoiar. Vamos torcer para conseguir pelo menos um 2×0 hoje.

    • Isso aqui é flamengo amigo e como você já sabe se não for sofrido não é flamengo.
      Srn

    • Já tava esperando a sua secada.

      Se dependesse de você, nem iríamos pra BH jogar com o Cruzeiro mesmo sem goleiro, e agora já é melhor mandar msg pra comebol avisando que não vai rolar jogo, não há chances de ganhar.

      Pra você ser flamenguista falta muito.

      Uma coisa é ser racional, outra é pessimista.

      • Eu também já esperava ser criticado por você, afinal criticar esse frustrante Flamengo de 2017 é ser falso rubro-negro.

        • Nada!

          Eu crítico bastante, até por que tem muita errada. Cometem erros seguidos, e tem que cobrar mesmo.

          Agora, o dia que eu tiver medo de Júnior Barranquilla, seja dentro ou fora de casa, com os problemas que for, eu paro de falar que sou flamenguista.

          É uma vergonha! Eu sinto vergonha!

          Os problemas que temos agora não é nem de longe os que tivemos a 7, 8 anos atrás.. talvez você não acompanhe muito o Flamengo. Estamos cobramos por que queremos a excelência, temos potencial pra isso.

          Mas pra você ter esse medo todo, secar todos os jogos do Flamengo perdendo de véspera.. já vi Obina Juan e leo Moura ganhar uma copa do Brasil emocionante.

          Se fosse um merda como você, não teria nem entrado em campo, não é mesmo? Se com Diego, Everton Ribeiro, Diego Alves, Cuellar já tá se tremendo todo, imagina depender do Obina pra fazer gol? Toro, Jailton..

          • Fodastico vc …..
            Mitou
            Esse é o verdadeiro espírito rubro negro!

          • Esse imbecil se diz flamenguista e da parabéns pro Cruzeiro antes mesmo do jogo começar, com a desculpa de que “sou racional, esse time não vai ganhar”.

            Tenho vergonha de torcedores assim.

          • Concordo contigo amigo. Se esse “torcedor” não consegue acreditar com Diego, Everton Ribeiro e Diego Alves em campo, imagina como ele ficava na época de Dimba, Walter Minhoca, Maurinho, Toró e tantos outros malas que passaram por aqui.

          • Dependesse de figuras assim, já estaríamos na série C.

            Pra ele, o pior momento da história do Flamengo deve ser agora. Pra mim, só conhece pouco do clube pelo qual diz torcer, nada mais que isso.

            Mas, em vez de ignorar pseudo-torcedores assim, me falta paciencia.

          • Esclarecendo, eu acompanho o Flamengo todos os dias, 13 canais no YouTube relacionados ao Flamengo, cobertura completa dos setoristas no Twitter etc.

            Continuando, não tenho medo de nenhum time e sempre vou assistir e torcer pro meu Flamengo ganhar, mas esse ano só tô conseguindo ser otimista contra Atlético-go, Avaí, Chapecoense etc.

            A postura conformista da diretoria (EBM, Rodrigo Caetano, Mozer, Fred Luz (e do time) me desaniman contra os times grandes, principalmente fora de casa, por exemplo, o confronto contra o Santos na CB, a gente conseguiu uma boa vantagem em casa (2×0), mas o d time demonstrou total desequilíbrio emocional pra segurar a vantagem na Vila.

            Pra finalizar, obrigado pelo elogio SRN!

          • De nada meu garoto, tô sempre aí, até a próxima!

            SRN!

    • Paulista detectado, jamais teria espaço na arquibancada do maior do mundo, depressivo como a cidade da chuva, cidade do céu cinzento, VC JAMAIS SERÁ UM RIBEIRO NEGRO, NOSSOS MANTO NÃO É PRA FROUXO, COVARDE….

      • Eu falei que tô com medo e não sabia 😮

        • Aprenda: o Flamengo sempre será maior que qualquer elenco qualificado, ou até mesmo que quaisquer Marcios Araújos que venham jogar aqui, seja por qual motivo for.

          Em uma decisão, é Flamengo e mais um! Você não tem acesso ao YouTube? Que merda de torcedor você é?

          Não interessa que o outro time é melhor parceiro (eu nem acho isso, mas nem vou entrar no mérito com você), estamos falando de Flamengo, Rubro Negro!

          Vai torcer pro seu Barça!

          • Você leu o comentário que eu agradeçi o elogio?

          • Não li, o que você disse? Que é melhor o Flamengo nem entrar no campeonato brasileiro por que tem Palmeiras, Grêmio e Corinthians que são melhores é que o Flamengo não tem chance?

          • O Comentário que você não leu:

            “Esclarecendo, eu acompanho o Flamengo todos os dias, 13 canais no YouTube relacionados ao Flamengo, cobertura completa dos setoristas no Twitter etc.

            Continuando, não tenho medo de nenhum time e sempre vou assistir e torcer pro meu Flamengo ganhar, mas esse ano só tô conseguindo ser otimista contra Atlético-go, Avaí, Chapecoense etc.

            A postura conformista da diretoria (EBM, Rodrigo Caetano, Mozer, Fred Luz (e do time) me desaniman contra os times grandes, principalmente fora de casa, por exemplo, o confronto contra o Santos na CB, a gente conseguiu uma boa vantagem em casa (2×0), mas o d time demonstrou total desequilíbrio emocional pra segurar a vantagem na Vila.”

Comentários não são permitidos.