Arthur Muhlenberg: “A festa do caqui”

Até que enfim uma rodada que presta nessa droga de Brasileiro. Tenho a impressão que pela primeira vez no campeonato inteiro o Flamengo conseguiu atingir a meta proposta na rodada anterior. Não interessa se a meta era mixuruca, o importante é o dever cumprido e o cultivo do hábito de entregar as encomendas. Mesmo que meio fora do prazo. Vamos combinar que uma vaga para Libertadores em si nunca teve um grande valor de face. Menos ainda depois que a Liberta virou essa Festa do Caqui e que agora os clubes tenham que trabalhar com muita determinação e fazer um esforço extra pra conseguir ficar fora dela.

Pois ainda que a meta do Flamengo fosse humilíssima, de uma comovente vulgaridade diante das nossas enormes pretensões, o time entrou em campo na 38ª rodada sem nenhuma garantia de que a alcançaria além do espantoso peso do Manto. Que como sabemos, com esse grupo nem sempre ajuda. O jogo estava todo na mesa e nem era necessária uma combinação muito diabólica de resultados para que o time fosse recepcionado na segunda-feira no aeroporto por turbas de aldeões furiosos brandindo archotes e forcados. E o pior é que os aldeões iracundos teriam razão, não garantir a vaga na fase de grupos era inadmissível até pros mais mansos.

Não foi uma vitória convincente, ganhamos na cagada de um time que estava ainda mais inseguro do que nós mesmos. Pra falar a real, durante mais de 90 minutos a tragédia ricocheteou, zunindo como bala perdida, pelo gramado do Barradão. Mas foi uma vitória fundamental para o psicológico da rapaziada que daqui a poucas horas estará em campo disputando uma final continental. Chegar pra esse jogo com a mixaria já garantida é como separar um qualquer pro táxi no outro bolso da calça quando saímos pra doideira. Agora, aconteça o que acontecer, nós temos como voltar pra casa.

Ainda mais porque tá na cara que Buenos Aires vai ser o terror. O time tá fisicamente em frangalhos, mais de 80 jogos no ano, fora rachão, futevôlei, cascudinho e videogame. Haja saco pra tanto futebol. E justamente agora, que tá todo mundo pregado, doido pra tirar férias e passar o dia jogando bola com os parça, só tem jogo cascudo. Os cara lá do Independiente nem jogaram o campeonato nesse fim de semana, ficaram no danone. Futebol é injusto mesmo. Quem tá cansado tem que pedir água e abrir espaço pra correria da juventude.

É muito difícil para um leigo como eu provar cientificamente, mas afora o talento de cada um, o cansaço dos mais velhos deve ser um dos motivos para que a nossa molecada venha conseguido fazer a diferença. Contra o Vitória os cria novamente foram decisivos e já nem falo mais sobre Vinicius Junior. Se o Brasil fosse um país sério já tinham suspenso o visto de trabalho do Rueda por só botar o moleque em campo depois que o Flamengo toma gol. Ainda bem que o vitorinha fez gol logo e que aqui é todo mundo amigo, somos um povo cordial.

Achei muito estranho uma certa patrulha nas redes sociais sobre a comemoração do time e da torcida pelo modesto 6º lugar no Brasileiro. Muito estranho no caso foi a forma eufemística de dizer que foi algo absurdamente ridículo. Nego não tem mais o que fazer além de cuidar da vida dos outros? Tá virando epidemia no Brasil. Tá cheio de delegado dos costumes. Puta falta de louça na pia. Deixa nego comemorar, eu comemoro até quando consigo vaga pra estacionar, não vou comemorar vaga na Liberta? Claro que vou. Sem falar na agradável satisfação cívica de ver que a justiça foi feita ao deixar o foguinho na mofa e tirar o pão da boca da vasca no ultimo minuto.

Tá certo que é recomendável pra quem tem o nosso tamanho um certo comedimento no tocante às comemorações por vagas, classificações e placês em geral. Mas também é só uma regra de etiqueta e as regras nasceram para ser quebradas. Faz o que tu queres porque é tudo da Lei. Vamos comemorar, mas vamos comemorar no sapatinho porque ainda não ganhamos porra nenhuma. E vamos comemorar baixinho porque a urucubaca tem sono leve. Enfim, cada um o que quer aprova, o senhor sabe: pão ou pães, é questão de opiniães… O sertão está em toda a parte. Do demo? Não gloso. Senhor pergunte aos moradores.

Arthur Muhlenberg

Veja também

  • Isso aí Arthur, pós Campeonato Brasileiro, terão que aturar duas quartas com jogos do CRF. Será que em São Paulo, Porto Alegre, Recife, Curitiba e MS, praças historicamente “refratárias” ao CRF, passarão filmes, ou jogo do Fla?.
    SRN

  • Eu comemoro que o Arthurzão voltou a ter vontade de escrever, esse ano foi osso, cheio de causos tristes e chateantes, ninguém gosta de comentar sobre isso (eu não). Futebol é alegria, é zoação “Sem falar na agradável satisfação cívica de ver que a justiça foi feita ao deixar o foguinho na mofa e tirar o pão da boca da vasca no ultimo minuto” quem nunca? SRN, benvinda de volta a alegria!

  • Primeiro texto do Arthur que eu não gostei, discordo veementemente dele, como ele mesmo escreve no final “Vamos comemorar, mas vamos comemorar no sapatinho porque ainda não ganhamos porra nenhuma.” Achei patético essa cena, como se o time fosse campeão ou conquistou a vaga na fase de grupos por merecimento, só chegamos lá por que gaymio e cruzeiro conquistaram títulos e por que o zagueiro do vitória resolveu botar a mão na bola no último minuto de jogo, sem contar que temos um time que vale 27 vezes mais do que o vascú e ainda assim terminamos com a mesma pontuação, é vergonhoso isso, se é para comemorar deveria ser feito dentro do vestiário, não dessa maneira vexatória, Ebaaaaaaaaa ficamos em sexto lugar! ,Investimos milhões, não disputamos o título em nenhum momento e não jogamos sequer uma boa partida mas conseguimos a vaga para a libertadores, Ridículo, mas enfim há quem se contente com isso, sinal dos tempos.

    SRN #IssoAíNãoÉFlamengo

  • Como o Bostinha, vai honrar a compra do CT ? Os Souto Maior, vão executar o Contrato, se, já estiver vigindo !!!

  • Nós, na Festa do Caqui! Bostinha, na do Cocô !!!

  • Parabéns pelo texto, ficou muito a cara dos torcedores

  • Vamos ser campeões da Sula, porque as coisas no flamengo só acontecem na cagada. E depois daquele jogo com o Flu 3 x 3, tá tudo na cagada

    • não entendo, quando tomamos no fim do jogo somos ridículos, time sem brio, não aguenta pressão, etc. Quando vencemos, viramos e tal, é cagada?

  • Comemorei muito, óbvio. Por outro lado, vi nosso treinador se acovardar diante de um time que brigava pra não cair. Vinicius só entra em furada, coitado.

  • Se o Flamengo contratar D.Tardelli, R.Goulart, Renato Augusto, Pabloe Adriano Imperador e laterais de alto nível, pode ganhar todos os títulos! No lugar do Arão, Everton, Guerrero e Réver, pois o Juan e Rhodolfo um pode ser titulares. Praticamente todos os adversários sabem que o ponto fraco do Flamengo são as laterais há anos que ainda não foi corrigido, acho que desde 99, pois nem Leo Moura e Juan conseguiram resolver, O Rueda vai escalar o Trauco e Pará mesmo sabendo que o Renê marca melhor e o Rodinei é mais rápido e ofensivo?

    • sério, só isso?

      • Pede pouco né Kkkkkkkkkkkkkkkkk

  • “eu comemoro até quando consigo vaga pra estacionar, não vou comemorar vaga na Liberta?”…

    Arthur, tu és f.da!!!

  • Concordo com o texto. Sensacional. Arthur é mito. Verdadeiro poeta. Mas desculpa a minha chatice, babaquice para alguns…. Mas na foto que ele colocou na matéria, os caras estao comemorando o que ali? A vaga para a liberta? Nem os caras do gremio estavam tão felizes na foto do titulo.

    • Acertou ! bbcão !

    • wow!! Sério? Nem os do Grêmio estavam tão felizes? Empresta aí o medidor de felicidade versão IOS.

  • A coluna dele no GE era a mais pikha, os rivais ficavam revoltados, era show, sempre esculachava os rivais….

    • Me lembro, ria muito dos esculachos nos arco-iris…

    • era muito bom, lia sempre. SRN

  • Otimo texto.

    Tem que comemorar mesmo. Vamos deixar de ser chato pessoal.

    Jogou mal, mas o time ta acabado fisicamente e, sinceramente, nessa altura do campeonato jogar bem e bonus, o que importa é vencer.

    • com o desgaste dos caras, o negócio agora é vencer mesmo. SRN

      • Faltam 2 jogos pra acabar o ano, sendo que é uma final, e os caras ainda nessa de pedir o Flacelona… já larguei isso tem uns 15 jogos, agora só quero é ganhar mesmo, do jeito que for e depois sim fazer as mudanças necessárias pro ano que vem ser melhor.

  • kkkk, esse cara escreve bem demais! Parabéns!

    Foi bem isso, ano fail perto das expectativas, mas deu pra comemorar essa vaga sofrida e cagada de ontem. Mas é mesmo muito pouco para o Flamengo.

    Vamos precisar de mais uma dose de sorte nessa Sula, o Indepiendente vai bem lá na Argentina. Jogou só com reservas a última partida que fez e do lado de casa, além de nem ter jogado esse fim de semana.

    Vamos na raça, confiantes na mulecada.

    • é mais em quatro anos de gestão estivemos em 3 libertadores, me diga onde anos anteriores conseguiríamos isso? a mudança esta acontecendo o time sofreu com erros da diretoria, mas esse idiotice do MCP de ficar passando o ano todo um erro do início, puxa é de desconfiar de que ele seja torcedor do flamengo; proximo ano time estará na libertadores, e com isso ja estará nas oitavas da copa do brasil; ou seja a oito jogos de um titulo nacional; e vaga para libertadores!

  • #mito

Comentários não são permitidos.