Futuro da Ilha do Urubu será decidido apenas no próximo mandato, garante CEO do Fla

O Flamengo aprovou, na noite desta segunda-feira (11), o novo contrato com o Maracanã. Además, a reunião do conselho deliberativo determinou o tempo de parceria entre o clube da Gávea e a empresa que administra o estádio. O vínculo será de dois anos e meio, ou seja, até o final de 2020.

Com o contrato praticamente decidido, a Ilha do Urubu passa a ser uma incógnita para o o clube, ainda que possua acordo vigente com o estádio Luso-Brasileiro. De acordo com Bruno Spindel, CEO do Fla, este assunto será decidido somente com o próximo presidente. As informações são do jornalista Venê Casagrande, do Esporte Interativo. Eduardo Bandeira de Mello, inclusive, havia alertado sobre uma possível rescinsão de contrato para utilização do Ilha, em entrevista exclusiva ao Globo Esporte.

O Mais Querido não conta com o estádio desde o dia 15 de janeiro, quando houve a queda de dois postes de iluminação, após fortes chuvas no Rio de Janeiro. Em abril, o Flamengo emitiu nota de esclarecimento sobre o ocorrido. Confira abaixo.

Honrando o compromisso de transparência com seus associados, torcedores e parceiros, o Clube de Regatas do Flamengo vem a público prestar novos esclarecimentos a respeito da queda de duas torres de iluminação do estádio Ilha do Urubu, em fevereiro deste ano, e relatar as ações determinadas para resolução do problema, a partir do recebimento dos laudos técnicos das perícias realizadas no local.

Logo após o ocorrido, além da notificação de todas as empresas envolvidas na construção das torres, foram contratados os estudos técnicos acerca dos projetos das fundações e das próprias torres. Após a conclusão dos referidos trabalhos, está comprovado que o Projeto das Fundações atende, com margem de segurança, a todas as Normas Técnicas vigentes, bem como a inadequação das torres diante da simulação da análise dinâmica (vento).

Desta forma, o Clube, que preza acima de tudo pela segurança, conforto e bem-estar de seus torcedores, optou por contratar novas empresas para a execução dos reparos e montagem de quatro novas torres de iluminação, o que ocorrerá sob a supervisão dos peritos designados pelo Flamengo.

Veja também

  • Deus agiu esse ano. Derrubou as torres, fez o técnico medalhão pedir pra sair, outros não quizeram vir, até cair no colo de Barbieri. Com mais umas 2 ou 3 contusões, Deus tá até escalando o Flamenho…
    Graças a Deus!

  • 3 bola foras do bandeira
    Olha do urubu , Cirino , dourado
    Uns 50 milhões nesses ai , mas blz o que vale é a intenção.

    • Guerrero pra mim foi o pior custo dessa gestão.

      • Nem lembrava mais dele
        Rs

  • Gasta dinheiro à toa no estádio e depois empurra a p*ca para o próximo presidente resolver? Tá quase igual à política do país.

    • Empurra para o próximo decidir se continua ou não com o estádio, mas diferente da política a obra já foi paga, não está deixando nenhuma dívida em relação a isso, lembrando que o contrato é de 3 anos, até a próxima gestão já se passaram 2 anos, restando apenas um ano, eu sendo da nova gestão segurava pelo menos durante o carioca do ano que vem, tem muito jogo pequeno que não vale apena levar para o Maracanã.

      • Excelente comentario! SRN

      • Condordo com tudo. Parabéns pelas palavras.

Comentários não são permitidos.