Fla é equipe que mais sofreu expulsões no Brasileirão 2018

Era apenas o minuto de número 19 do segundo tempo da partida entre América Mineiro e Flamengo, quando Gustavo Cuéllar foi expulso. Vitinho errou drible e cedeu contra ataque para o Coelho. O camisa 8 não teve outra opção, a não ser parar o lance. Ainda estava 2 a 1 pro Mais Querido. Com isso, o rubro-negro carioca disparou na tabela de clubes que mais sofreram expulsões no Brasileirão 2018. Veja na lista de Rodolfo Rodrigues, editor da revista Placar:

Flamengo – 7 expulsões
Cuéllar 3x, Everton Ribeiro, Rhodolfo, Jonas e Henrique Dourado
América Mineiro – 5 expulsões
Vasco – 4 expulsões
Palmeiras – 4 expulsões
Paraná – 4 expulsões
Atlético Paranaense – 3 expulsões
São Paulo – 3 expulsões

ERRATA NO TUÍTE ACIMA: Foram sete expulsões.

A próxima partida pelo Brasileirão acontece no domingo (02), contra o Ceará, no Maracanã. Piris da Motta deverá entrar e manter o esquema tático. Antes disso, há uma pedreira na Libertadores. Após perder por 2 a 0 no Templo do Futebol, o elenco rubro-negro terá que fazer de tudo para reverter o placar e garantir a classificação para a próxima fase da Libertadores.

  • O técnico do Fla não tem peito, para jogar pra frente,é simples é só entrar com o time ofensivo, com marlos Moreno no lugar de Dourado, que é uma merda.

  • O presidente “estrelado”, que quer ser mais importante que a importância, inventor da roda e a rosquinha de padaria, é inimigo velado da CBF, enquanto outros são amigos e aliados, nosso monarca é adversário da FERJ, CBF, COMEBOL e por ai vai. Só dá nisso, time prejudicado várias vezes, árbitros sem expressão e sem experiência trabalham nas partidas do Mengão. Eita lapa de caba ruim, administração péssima, presidente ruim da Gota Serena. O caba é pé frio constatado, cabeça dura, centralizador, doido, inexperiente, incompetente e teimoso. Ainda bem que tá chegando o fim dessa gestão temerária.

  • A diretoria tem que ser mais enérgica com a CBF e os árbitros. Os jogadores do Flamengo não estão podendo reclamar que ganham cartão amarelo. Teve o jogo contra o Palmeiras e o Dudu ficou o tempo todo atrás do juiz e não ganhou cartão. O Everton foi conversar com o árbitro e ganhou logo no início do jogo. Isto está acontecendo toda hora . A CBF está beneficiando os clubes paulistas

  • A regra é clara, pra expulsar o jogador, tem de ter clara e inequívoca chance de gol, o jogador do América estava no circulo central, tinha ainda uns 40 metros pra chegar no gol e a bola ia pra lateral e não pra frente da área, era lance de amarelo, pois Cuellar, tentou puxa-lo e não conseguiu, mas ao perceber que foi tocado o jogador desabou pra cavar o cartão. Ridícula a arbitragem, ninguém vai comentar do pênalti em Henrique dourado? Do cartão amarelo que ele tomou por resolver esperar pra cortar a bola área antes de ser substituído, coisa normal no futebol, do juiz está o tempo todo pilhando os jogadores do Flamengo, do Cartão amarelo em uma falta comum do Léo Duarte (que estava pendurado), enquanto isso no jogo do São Paulo, o jogador do Ceará é expulso por reclamar da arbitragem, impedindo qualquer chance do time dele empatar ou virar contra o São Paulo, está difícil.

  • A do ER foi no 1° turno, contra a Chapecoense, onde o jogador adversário chutou a bola no rosto do ER, e o juiz achou que ele tinha colocado a mão na bola.
    No jogo contra o Palmeiras, no final do jogo, num entreveiro do Dudu com o Cuellar, o juiz expulsou o Cuellar, o Jonas e mais o HD que estava na reserva, nem no jogo estava…
    Só nesses jogos, foram 4

Comentários não são permitidos.