Lomba garante não ter comemorado vice-colocação do Brasileiro: “Houve uma mudança de cultura”

FOTO: REPRODUÇÃO

O Flamengo terminou a temporada na segunda colocação do Campeonato Brasileiro, atrás do Palmeiras, que se sagrou o vencedor do torneio. Ricardo Lomba, atual vice-presidente de futebol e candidato pela chapa da situação, revelou não ter comemorado a vice-liderança da competição, bem como os integrantes da comissão técnica e jogadores. A entrevista foi concedida ao “Esporte Interativo“.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir!


Durante a conversa, Lomba relembrou a comemoração efusiva dos jogadores e comissão durante a conquista do sexto lugar no Brasileirão de 2017, no qual garantia o rubro-negro na fase de grupos da Copa Conmebol Libertadores à época. Segundo o candidato, houve uma “mudança de cultura” nesse quesito por parte do clube.

O objetivo do Flamengo vai ser sempre ganhar o campeonato. Eu acho que é importante, inclusive, mostrar que houve uma mudança de cultura. Nenhum de nós, dirigentes, jogadores e comissão técnica, comemorou o segundo lugar, porque isso não basta para o Flamengo. O que nós queremos é ser campeão. Nós comemoramos a vaga direta na fase de grupos da Libertadores (em 2017), mas esse ano conseguimos a vice-colocação, record nessa trajetória de pontos corridos no Brasileiro, e ainda não foi o suficiente. E não ficamos satisfeitos -, disse o candidato.

Além de Lomba, concorrem à presidência do Flamengo Rodolfo Landim (Chapa Roxa), adversário mais forte da oposição, Marcelo Vargas (Chapa Branca) e José Carlos Peruano (Chapa Amarela). A votação que decidirá o mandatário que comandará o clube no próximo triênio (2019-2021) acontecerá neste sábado (08), na Gávea. A reportagem do Coluna do Flamengo estará presente para acompanhar todos os detalhes do pleito.

Veja também

  • Tomara que quem, não entre para meter a mão no dinheiro e afundar o Flamengo em dívidas absurdas. Discursos estilo Patrícia Amorim me assustam, um clube gigante igual o Flamengo não pode admitir amadorismo na questão da gestão financeira.

  • lomba vai ficar no cheirinho até na eleição. #Landim2019

  • nos queremos a landim,o zico e a maioria,dos ex.atletas,que fizeran historia,no flamengo,estão apoiando ele,na proxima,gestão,queremos,zico e junior,zinho,leandro,na diretoria do flamengo,queremos zico com presidente,junior,como viçe,diretor zinho,supervisor

    • leandro

    • supervisor leandro,queremos,pessoas criadas na gavea

  • Queria Ladim como presidente é lomba com vice iria ser uma dupla muito boa

  • O meu sonho era ver o Zico como presidente do flamengo.
    E Leonardo como vice ,ou como diretor de futebol.
    Acompanho a carreira dos dois!

  • Corrigindo não é Marcelo Lomba , é sim Ricardo Lomba, meu analise tem como base as declarações oficias dos candidatos a presidência do flamengo.

  • Sinceramente Marcelo Lomba está fazendo politica ! Ele só está falando isso porque sabe que a grande maioria está insatisfeita com o flamengo , pois todos sabiamos que se as coisas fosse um pouco diferente talvez teríamos terminado o ano com algum titulo, não vejo nele as declarações de um vice-presidente e muito menos de um torceodor, mas vejo declaração de um candidato a presidência, mas não só as declarações dele, mais dos demais, e como já estou um pouco saturado com politica, e hoje sabemos que o flamengo tem uma receita considerável a segunda maior do brasil .
    Não levo a sério nenhuma declaração de nenhum dos candidatos a presidência do flamengo, pois ao meu ver não vai mudar nada, está mais fácil mudar para pior do que para melhor.

Comentários não são permitidos.