Anderson Alves: “A conta do Flamengo só fechará em 2020. O perigoso negócio parcelado!”

“Regra nº 1: nunca perca dinheiro. Regra nº 2: Nunca esqueça a regra nº 1.” – Warren Buffett

 

A conta é bem simples. Você começou a construir uma casa! Comprou areia, pedra, ferragem, pregos, madeira, fiação, encanamento, acabamento… A obra não vai como você quer. Por mais que os pedreiros sejam esforçados, eles não entregam o serviço no tempo desejado, então depois de um determinado ponto você troca. O novo empreiteiro faz um detalhamento do material. Não dá para continuar com essa marca de cimento porque ela deixou a fundação frágil. Você passa a mão nas colunas e elas esfarelam. Mal dá para salvar o alicerce. Teve que derrubar quase tudo!

Você vai ao mercado. Chegando lá a expositora te mostrou vários acabamentos legais. Você começou a negociá-los, mas o seu orçamento não vai permitir comprar tudo da lista e mais isso. Compraste um cimento de uma marca intermediária, pensando que se sobrasse dinheiro iria dar para comprar o acabamento. Tem uma grande ideia: Vou parcelar no cartão, esquece que no momento de pagar as parcelas finais, já estará precisando comprar outros materiais, móveis etc e esse dinheiro vai fazer falta lá também!

E agora? De repente dá a louca e compra os acabamentos? Parcela e joga o problema para a frente? É isso que está fazendo o Flamengo! Olá, coleguinhas de Coluna do Flamengo, estamos aqui hoje para analisar o movimento de mercado do Rubro-negro. Estamos fazendo tudo certo? Tudo errado? Ano que vem vai ser de vacas magras?

Bora lá do jeito mais rápido. O orçamento que o clube possui é de R$ 100 milhões para contratar no ano de 2019. Já gastamos 22,5 com Rodrigo Caio. Arrascaeta tem valores que giram entre 53 e 59. Já falaram mais, mas é bem difícil. 27 para o Bruno Henrique e 22,5 para o Dedé, embora terá que aumentar caso o queira mesmo. Especula-se que é preciso ao menos 29,75. São 22,5+56*+27+25,5*. 131M. A conta não fecha! E advinha só? Cadê os laterais???

Não quero ser estraga prazeres, mas no próximo ano quando voltarmos ao mercado para contratar e precisarmos de um centroavante, já que o empréstimo do Gabigol é só de um ano, teremos alguns furos no cartão de crédito para pagar ainda! Ou seja, é uma conta que pode estourar com data de vencimento. Mas calma!

Quero crer que o Flamengo já conversou com Rafinha e, como não consegue investir para tirá-lo do Bayern agora, o atleta chegará no meio do ano. Que existe algum lateral esquerdo apalavrado na mesma linha, o que nos obrigará a suportar até o meio do ano como está (será a morte do Fabrício Chicca). Sobrevivemos até hoje, creio que aguentamos mais um pouco, mas contratar Bruno Henrique e Gabigol é incoerente! É o acabamento da nossa parábola.

Acho que Gabigol sobe, sim o nosso patamar, entretanto só fará sentido se um dos centroavantes estiver indo embora. Bruno Henrique é um jogador para disputar com Everton Ribeiro, Berrio e Vitinho na ala. Consigo ver um deles no banco, dois não. Não é possível que estejam pensando em centralizar Everton. O jogador parte da direita para dentro historicamente. Centralizá-lo matará sua dinâmica.

Claro, e como bom otimista que sou torço por isso, que o Flamengo esteja montando um elenco pensando em comprar pouquíssimas peças no ano que vem e já esteja com o elenco montado para que em 2020 não precise gastar rios de dinheiro. Parcelar as contratações hoje pode significar menor poder de compra no futuro, mas também pode significar maior poder de decisão agora e, se os tiros forem certeiros, títulos virão e poderemos olhar para o próximo ano com a esperança de bicampeonatos consecutivos e corrigir alguma posição que não agradou. Como sempre, minha adesão e esperança de sucesso!

 

Para ficar bem claro: Ainda acho que Gabigol e Bruno Henrique não são nossas prioridades e preferia ter, pelo menos, um lateral direito imediatamente! Já estou fazendo concessões com o meu ideal. Dá para chegar longe com o que temos? Provável, mas o que necessitamos mesmo ainda não chegou. Dois laterais e mais um zagueiro incontestável.  O meia já chegou. Seja bem vindo! Espero que façam história com a camisa do Mengão.

Anderson Alves, O otimista.

19 Comentários
  • Os montantes não são à vista né e o conselho não iria liberar se tudo não estivesse no orçamento a única coisa que o Flamengo pode perder é a grana investida nos jogadores de não ter retorno mais o resto é só baboseira como esse texto.

  • Mude seu nome para ANDERSON O PELA SACO… Faça me o favor….e no meio disso tudo o Flamengo for campeão por exemplo da copa do Brasil?50 milhões de premiação e Brasileiro?+ 30 e libertadores? Esse” SE” só serve para contar derrota?valeu otimista… abraço…

  • Ahhh, você acha mesmo que o Braz quer saber disso? Daqui a pouco o Kleber Leite estará nessa diretoria, assim como a Patrícia Amorim… Na outra eleição elegemos o EBM ou Lomba pra consertar tudo isso

  • O orçamento do Fla para 2019 é
    De 100 milhões. Os jogadores que está vindo alguns estão sendo parcelado,ou seja ano que vem teremos mais de 100 milhões pra gastar só que vai abater alguns parcelas adquiridas esse ano. Sendo assim o Fla ainda tem dinheiro em caixa pra trazer laterais e um segundo volante!

  • Anderson Alves nosso urubu é mais otimista q tu podes crer, coloca esta lingua atras da nuca, tem gente q nada serve no mundo, vá agora pro inferno, se fosse em outro time seria o melhor do mundo imbatível se tornaria.

  • Retirem a Proposta, por Bruno Henrique e deixem o mitômano do Perez,descascando o abacaxi, certamente, de cara feia, desde já. O cara, cada dia, quer uma vantagem. Quer cu e ainda, RAPADO !!! tnc sardinha. Cortem as asas logo, antes que cresça como o Itair. Sem pressa (temos Berrio e Vitinho), busquem o Luis Dìaz e a joia do Atlético Nacional. E digam ao Perez, pra tomar vergonha na cara e, PAGAR ao Wolfsburg

  • Um título de libertadores, Copa do Brasil ou Brasileiro pagará quase 50 milhões cada, se conquistarmos dois dos três essas dívidas praticamente zeram e o poder de investimento para 2020 aumenta, então com um título que seja desses em mãos o #Flamengo já começa o próximo ano no lucro pois a premiação dos títulos não entra na previsão orçamentária, sem contar a possível venda de jogadores da base que podem render valores astronômicos como a de Paquetá e Vinicius jr

  • Olhando para o time que tínhamos e com as peças que estão chegando,vejo o time bem melhor precisamos só de um zagueiro bom e um para brigar por vaga já que o Ruan vai parar e o Rever foi embora e Rodolfo só vive no dpm,se vim mais um lateral para dispensar o para vai ser ótimo,e um para o lugar do tráfico.

  • Concordo, porém o exemplo foi ruim….não precisamos de centroavante a culpa não foi toda deles ano passado não, o meio campo não funcionou e as laterais foram uma piada . O René ter sido eleito melhor do campeonato è no mínimo por política…. não acho q deveria ter contratado o Gabriel não, não vale essa grana por mês não!
    Mas acho sim se tinha 100 milhões deveria gastar no MÁXIMO os 100 milhoes , não esqueçam q os 25 milhoes da caixa já eram e o da carabao tbm.

  • O problema da lateral já vai estar resolvido no meio do ano com a chegada do Rafinha. Por enquanto temos o Rodinei e o Klebinho. Bruno Henrique deve ser prioridade para composição do elenco para disputa de três competições

  • Criação de sites e aplicativos para celular