Apresentador afirma que Bandeira de Mello é o maior presidente da história do Flamengo

FOTO: DIVULGAÇÃO

O Flamengo planeja a temporada de 2019, mas o período de reestruturação financeira em que o clube passou ainda é assunto na imprensa brasileira. Isso porque, o Rubro-Negro tem investido com força no mercado de transferências. Por isso, no programa A Última Palavra, da FOX Sports, Eduardo Bandeira de Mello, ex-presidente do Fla, teve o seu nome exaltado pelo apresentador João Guilherme.

O fato do Flamengo ter investido R$ 15 milhões de euros (cerca de R$ 63,81 milhões na cotação atual) no meio-campista De Arrascaeta fez com que a antiga gestão fosse elogiada durante o programa. João Guilherme apontou Eduardo Bandeira de Mello, que presidiu o Rubro-Negro nos últimos seis anos (de 2013 a 2018), como o maior presidente da história do clube, devido ao atual poderio financeiro do Fla.

Eduardo Bandeira de Mello é o maior presidente da história do Flamengo. O grupo, que está no poder agora, de Rodolfo Landim, participou do início da gestão de Eduardo Bandeira de Mello, eles estavam todos juntos. Aconteceram desentendimentos, e Bandeira acabou ficando afastado desse grupo do Landim, Do Wallim, do BAP… -, disse, antes de complementar:

— Claro que eles que estão hoje no poder têm uma participação em toda essa reestruturação financeira, só que nos seis anos anteriores, a reestruturação financeira e a mudança de patamar do Flamengo aconteceu na gestão Bandeira de Mello, a caneta estava com ele, foi ele quem assinou. Agora, Rodolfo Landim chega, com a sua equipe, em um Flamengo muito forte -, concluiu o apresentador.

Eduardo Bandeira de Mello assumiu o Flamengo em 2013 e a política de austeridade foi empregada desde então. Isso se deu, devido à dívida estar avaliada em cerca de R$ 750 milhões na época, sendo a maior do Brasil. Atualmente, estima-se que esteja abaixo de R$ 350 milhões, com projeção de receita acima de R$ 700 milhões, dando margem para que o Fla possa investir pesado em grandes nomes no mercado.

Em contrapartida, está o fato de Bandeira de Mello ter ficado “marcado” por não ter vencido grandes títulos à frente do Flamengo. Isso porque, o único troféu de peso que foi conquistado por ele, a Copa do Brasil de 2013, o clube ainda não estava investindo “pesado” no elenco, o que aconteceu apenas a partir de 2015. Na gestão de Bandeira, o Rubro-Negro também foi campeão de dois Cariocas, de 2014 e de 2017.

Veja também

  • Com certeza

  • Acompanho o FLA desde 1971…Fla sempre quebrado, fazendo loucuras financeiras e às portas da falência….Nos anos, antes da gestão Bandeira e Cia, era sempre real a possibilidade de queda para 2ª divisão, bloqueios judiciais para pagar uma imensurável fila de credores e uma infra estrutura de dar vergonha e motivo de chacota justificada. Mudamos impressionantemente de patamar. E nessa mudança extraordinária está a presidência do Bandeira. Não se pode negar os fatos. Flamengo pronto para perpetuar sua liderança no cenário brasileiro e ombrear com as maiores potências da Europa. FLAMENGO, uma torcida que tem um TIME.

  • UMA ESTÁTUA PARA BANDEIRA DE MELO JÁ!

Comentários não são permitidos.