Fabrício Chicca: “Abelão: Perdido ou um estrategista incompreendido? Ou simplesmente Abel, um retranqueiro?”

Hau Cara Pálida! Nessa coluna vamos tratar de discursar a respeito da necessidade ou não de estarmos em pânico.

Abel Braga, ou Abelão, o escalador do Negreiros (lembra dele?), campeão do mundo, da Libertadores, do Brasileiro, de tudo foi contratado com grande apoio da torcida, e claro, da diretoria. Tratava-se do técnico boleiro, adorado pela mídia, que, junto com o Pelaipe, gerente de futebol, cobraria do grupo os resultados esperados.

Houve pouca discussão a respeito de como o Abelão armava os times, de certo mesmo apenas a cobrança e possivelmente a capacidade de tirar leite de pedra. Ora, os últimos times treinados pelo técnico, limitados, renderam muito mais do que podiam. Era de se esperar o mesmo do Flamengo, certo? Errado.

Durante o período Dorival EBM eu dizia na Tv Coluna do Flamengo: Abelão é um técnico excelente para times limitados, gosta de montar times defensivos e com saída rápida de bola, boas transições e contra-ataque bem montados. Essa ainda é a opinião eu mantenho. Mesmo com o DNA flamenguista ofensivo a torcida, diante de tantas frustrações recentes, aceitaria o Abelão se as vitórias viessem. Mas o fato é, nem isso o Abel apresentou até agora.

O maior erro do treinador foi, durante o mês de janeiro até o jogo contra o Fluminense, ter feito experiencias e assumido o discurso de dois times titulares (ou não-time-titular). Essa perda de tempo fez com que o Flamengo não conseguisse ter o padrão simples e ultrapassado do treinador (porém muitas vezes efetivo – vide o própria Abel, Felipe 7 x 1, Carille, Muriçoca…). As experiências podem ter outro nome: Abelão tá meio perdido. O motorista de táxi sabe dirigir, mas pode se enrolar quando sentar em um Fórmula 1.

Sim, é preciso mais tempo. Sim, o Diniz com o mesmo tempo fez um trabalho melhor no outro time. Sim, times e grupos reagem de maneira diferente, o próprio Diniz no ano passado entregou o time dele na zona de rebaixamento. Não há matemática precisa nesses casos.

RESUMINDO A ÓPERA:

1 – Abelão errou: não colocando o time principal desde sempre. O time tem que entrosar, os jogadores têm que se conhecer, e treino é treino e jogo é jogo.

2 – Abelão é defensivo: sem novidades, sempre foi assim, e não há sinais de que vai mudar. Ou seja, podem esquecer, vamos colocar gasolina de avião em um fusca, ou seja, o flamengo vai jogar (e possivelmente ganhar torneios) jogando feio, com até 3 volantes….como o time que ele treinava no ano passado jogava.

3 – Abelão é ultrapassado: Quando deu a declaração que o time que só ataca, que joga com um volante é time de índio, mostrou que não estuda o que se passa no melhor futebol do planeta, alguns dizem que é arrogante.

4 – Abelão vai melhorar o time: sim, se o Abelão continuar à frente do time deve haver alguma melhora. O contra-ataque deve começar a funcionar, a zaga deve ficar menos exposta e a transição deve ser muito melhor. Se ele subir um pouco a marcação, o time já ficará muito mais competitivo

5 – Abelão é teimoso: Ele gosta de jogar com dois volantes, mas o Arão não marca o suficiente e se coloca à frente dos meias mesmo quando o flamengo não tem a bola.

6 – Abelão tem leitura deficiente durante o jogo: O time não muda o estilo de jogo e melhora pouco nos intervalos, as substituições raramente mudam o jeito do time jogar, apenas o fazem, na maioria das vezes mais defensivo. É ainda muito preocupante a atuação do treinador no vestiário se considerar o que ele faz no tempo técnico, reparem, ele apenas abana os jogadores.

Se quiser nos ver: estamos na TV Coluna do Flamengo, todos os dias às 9 da noite com o Resenha (link aqui), ou podemos falar pelo Twitter: @fafochicca

Veja também

  • Augusto Junior
    Fabrício, já perdemos o Sampaoli, o melhor técnico estrangeiro à mão…Rapidamente se adaptou ao Santos… Caso, eu disse caso, eles resolvam, com algum atraso, se livrar do Abel, quem voce imagina que eles possam contratar, o Joel???Nosso Departamento de Futebol é a vanguarda do atraso…

  • Willian Arão é o “Diguinho” da vez!

  • Qual clube no mundo contrata um jogador de R$ 65 milhões para ficar no banco?

  • Olhem, essa torcida tá nojenta. Mas sinceramente eu não acho que seja a maioria da torcida, pois com quem eu converso e é flamenguista de verdade, o pensamento é um só: o Abel tá no início do trabalho, dois meses, tem que deixar o cara trabalhar.
    É sério que querem tirar o abel? Colocar quem? Dorival, Barbi, Ze Ricardo? Vai pra pqp!!!!
    O que vale a bosta do carioqueta? Guanabara?
    No inicio do ano um monte de nego dizia “coloca o time b no carioca, essa federação carioca não merece crédito”, tem que “revezar o time no carioqueta”, “tem que fazer testes no carioquinha” e por aí vai. Daí perde de 1×0 pro fluzinho e já ficam nessa palhaçada.
    Não perceberam que o Abel fez teste de todo mundo?
    “Ah pq deixa o Arrascaeta no banco.” É lógico, tem que testar quem vai ser o banco e não o titular. “Ah, pq jogou na retranca”. Tem que ser muito burro pra não ver que o Abel testou uma variação tática, afinal o Fla no ano passado tinha 1000% de posse de bola e não matava os jogos (eu lembro bem da CB contra o Curintia, da Liberta contra o Cruzeiro, do Brasileirao contra o SP e Parmera).
    Tem que tomar vergonha na cara e esperar o cara trabalhar, não deu nem seis meses de trabalho e já vem com essa palhaçada. Ridículo isso!

    • Falou o entende tudo, com certeza se fosse presidente ainda estariamos com zé ricardo ou barbierei esperando eles aprenderem a treinar!!!

  • Antes reclamavam do “arame liso”. Dominava com 600% de posse de bola, e nada mais. Agora reclamam do time que joga de outra forma. Depois do Fluminense, iam pedir até a cabeça do Guardiola. E o “Carioquinha” não vale nada, hein? Imaginem se valesse!…kkkkkk

  • Como pode isso?! Como um resultado negativo, numa porcaria de torneio que só serve de treino, pode fazer tanto estrago? Quanta afobação!! Nunca fui fã do Abel, mas acho que é muito cedo para detonar o cara. Vamos devagar aí o “entendedor” cara pálida.

  • Já falei, põe o Rodrigo Caio no lugar do Arão e o Léo Duarte na zaga. Põe Tráfico no lugar de Renê e Arrascaeta no lugar do Diego.
    Depois é só esperar para levantar as taças.
    SRN

    • *Trauco no lugar do Renê.

  • O 10 bisonho faz chuveirinhos na área adversária.

  • O Diego bisonho é um zero a esquerda. Mas quem escala ele é o Abel, que diz que o bisonho é bom caráter. O outro Diego, o frangueiro, é outro mentiroso. O desenho é de mais uma ano perdido.

    • Concordo até uma certeza parte Diego Ribas e fora de série o cara joga muito mas jogar com uns pede as como para e outros que não usam a cabeça e complicado agora Diego Alves esse sim toma cada gol bobo aí que saudade do Dorival se ele estivesse no comando Flamengo tava viando não dizendo que o a ela e ruim e porque ele já conhecia o time dês do ano passado , Cesar agarra mas do que o Diego frango

  • Somente vou acreditar em comentaristas, no momento em que um desses “entendedores” passar a ser treinador e armar um time maravilhoso.

  • Pode colocar o melhor técnico do mundo e não vai mudar nada temos um 10 que não resolve nenhum jogo decisivo. Já passou vários técnico e esse time em jogos decisivos treme…

  • otimo resumo. parabens

Comentários não são permitidos.