LDU precisa vencer o Flamengo para continuar na Libertadores, e Cuéllar prevê força total do adversário

Acabou o Campeonato Carioca e o Flamengo já tem o primeiro título de 2019. Agora, o foco da equipe de Abel Braga está na Libertadores da América. Após as comemorações, o elenco se reapresentou nesta segunda-feira (22) para almoçar em um hotel na Barra da Tijuca, e, logo depois, viajar para o Equador, onde enfrenta a LDU. Os equatorianos precisam da vitória para poder continuar na competição e, por isso, Cuéllar falou que o adversário virá com força total para cima do Fla.

O colombiano concedeu entrevista ao sair do hotel, e falou também das dificuldades da partida, com destaque para a altitude de 2.850 metros de Quito. Ele relembrou também da partida contra o San José, em Oruro, com uma altura maior ainda. O Flamengo venceu o duelo por 1 a 0.

— Vai ser complicado, a gente já jogou ainda mais alto lá contra o San José. Foi muito complicado pra gente, mas agora, estamos aprendendo a sofrer um pouco. A gente sabe da dificuldade do clima. Temos nos comportado muito bem nas dificuldades. Acho que não vai ser diferente. Temos que entrar concentrados para conseguir o resultado e a classificação – projetou o volante.

Para o Rubro-Negro, apenas um empate já é o suficiente para se classificar na competição internacional. Entretanto, Cuéllar acredita que não é assim que a equipe deve entrar em campo, já que a LDU jogará com foco na vitória, que é o único resultado que deixa os equatorianos vivos na Libertadores.

— Eles vão pra oportunidade da vida deles. Se eles não ganharem, não tem chance de classificar. A gente tem que pensar em ganhar o jogo, se entrar no campo pensando em empatar, complica muito. Nós temos um elenco muito qualificado pra fazer um bom jogo lá, com inteligência, conseguimos a classificação – afirmou Cuéllar.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *