Flamengo “se vinga” do Santos e dificulta liberação de Uribe

O Flamengo está no mercado do futebol em busca de reforços, mas também vê equipes assediando seus jogadores. Como é o caso do Santos com o centroavante Fernando Uribe. Porém, o Rubro-Negro está dando o troco na equipe paulista, de acordo com o site Gazeta Esportiva.

Isso porque, na negociação entre as equipes por Bruno Henrique, que durou meses, o Santos dificultou ao máximo a liberação do atacante. Não à toa, o vice-presidente de futebol do Flamengo chegou a falar publicamente que havia desistido do negócio.

O atacante do Santos (Bruno Henrique), o Flamengo não tentará mais a sua contratação. Saímos da negociação -, disse o VP na época.

A atitude de Marcos Braz se deu pelo fato do presidente santista, José Carlos Peres, ter mudado de ideia algumas vezes. Quando parecia que teria um desfecho, o mandatário voltava atrás. Peres, inclusive, é conhecido como uma pessoa difícil de lidar quanto às negociações.

Por isso, o Flamengo tem dificultado ao máximo a liberação de Fernando Uribe, de acordo com a Gazeta. A ideia dos dirigentes cariocas é de lucrar com a negociação. Além de recuperar os R$ 5 milhões investidos em junho de 2018, quando contratou o centroavante, o Fla pretende se dar bem com o negócio.

Sem dinheiro em caixa para investir em contratações, o Santos deve ter que descontar no valor que tem que para receber do Flamengo. O Rubro-Negro deseja negociar Uribe por R$ 6 milhões. Ou seja, a equipe paulista deve ter que mexer nas duas parcelas que ainda serão depositadas pelo clube da Gávea – uma parcela de R$ 4 milhões em junho deste ano e outra de R$ 11 milhões em janeiro de 2020.

Fernando Uribe atuou em 39 jogos com a camisa do Flamengo e balançou as redes em dez oportunidades, tendo média de 0,25 gol por partida. Vale ressaltar que o jogador foi o artilheiro da Florida Cup, competição exaltada pelo técnico Abel Braga e pelos dirigentes cariocas.

Veja também