Thigu Soares: “Na oposição, Tigrão. No poder, Tchutchuca”

Foto: Diego Maranhão/AM Press 

“Atirar pedras é fácil, o difícil é ser vidraça”. O provérbio chinês mostra a facilidade e a leveza, por vezes irresponsável, de ser oposição. No intento de seduzir a todos pelo discurso, a chegada ao poder cobra seu preço. Quase sempre, os juros dessa transação são a coerência entre o discurso de quem batia sem dó quando observando de fora, e a prática de quem agora apanha com justiça.

Trocando em miúdos: comportar-se como tigrão é fácil, difícil é chegar ao poder e não se fazer de tchutchuca. As promessas de novos tempos, de mudança de mindset, de resgate de DNA e tantas outras pobrezas tão eleitoreiras quanto baratas, geram expectativa e cobrança. Quem prometeu o mundo e recebeu quase tudo em ordem fica sem álibi para se fazer de inocente. Ao menos nos últimos 4 anos, os homens fortes de nossa diretoria atual puderam observar todos os movimentos, certos e errados, de seus antecessores. Se fica claro que o aprendizado não aconteceu em outras pastas, que caminharam para trás, existia o alento da salvação no plano do futebol, capaz de redimir qualquer falha.

Durante os últimos anos, o Flamengo cresceu fora das quatro linhas. Sofreu por ingenuidade, incompetência, azar ou teimosia em seu futebol, é bem verdade. E enquanto isso acontecia, as redes sociais se tornavam um prato cheio para que alguns trouxessem a promessa da glória no futebol com uma tranquilidade tão irresponsável quanto assustadora.

A conta vem chegando. Erros repetidos por aqueles que se diziam entendedores do futebol se empilham. Da montagem do elenco à escolha – desde o início mais do que questionável – de Abel para o comando. Da baderna no Departamento de Futebol ao silêncio ensurdecedor da diretoria em momentos importantes. Enquanto o rugido se emudece, vemos um museu de novos erros tão conhecidos.

De diferente? Só vejo algumas contas do Twitter mais silenciosas que o normal. O gelo no sangue vai aguando sem que ninguém se manifeste publicamente. Nada como um dia após o outro. Nada mais claro que a memória seletiva e a voracidade irresponsável do tigrão da oposição.
Prometendo rugir no futebol e no Clube, trazendo títulos e perseguindo supostos privilégios. Diferente da promessa, a prática tem fala fina, mimada e manhosa, bem Tchutchuca, com muito silêncio e falas constrangedoras através de notas oficiais.

Veja também

  • o Flamengo precisa urgente de contratar um dirigente para o futebol que fale a linguagem dos jogadores, o Zinho seria perfeito, para dar suporte aos jogadores e principalmente ao Abel, senão, logo sai o Abel, e o próximo, o próximo…

  • Isso mesmo, DOWGLAS012!

  • Pôxa! Perfeito Thigu! E eu não queria acreditar quando muitos do Rio de Janeiro, diziam que essa nova diretoria, era simplesmente a continuação do EDUARDO BANDEIRA, que, se disfarçava de oposição para ganhar a eleição. Putzzz!

  • A diretoria nova trouxe uma mudança importante que é a raça de volta ao time. Aquele “espírito banana” parece ter passado. Flamengo esse ano virou vários jogos, ano passado acho que só virou um. Jogadores têm atitude, estão pilhados. Bacana. Agora vamos falar a verdade, só isso é ridiculamente pouco. Não existe planejamento no departamento de futebol. O Flamengo nunca vai ganhar nada sem planejamento, nunca! Isso é tão óbvio mas parece que ninguém no clube enxerga isso. O PSG tem dinheiro quase infinito e é um fracasso, porque? Porque o elenco é mal montado, laterais são avenidas, não tem cabeça de área, não tem armador e não tem reservas. Ai contratam um técnico que não resolve e demitem o técnico por não resolver, mas continuam com os problemas de elenco e só agravam a falta de filosofia de time mudando de técnico o tempo todo. Alguma semelhança com o Flamengo? Pois enquanto não tivermos uma direção com um planejamento bem montado e que siga esse planejamento o Flamengo vai continuar sendo um clube muito rico e com poucas conquistas.

  • A dupla que derrubou todos os técnicos, desde a desgraça do Zélia Desgraça até o próprio Barbieri, contribuindo também para a derrocada do arcaico Papai Abel: Diego Ribas e William Apalermado Arão. Esse último é uma sanguessuga desgraçada.

  • Parabéns pelo texto. Tem que colocar o dedo na ferida mesmo. Nota Oficial ridícula e time à deriva. A torcida acredita sempre, mas a falta de comando em manter esse treinador fraco cobra seu preço.

  • Sempre é fácil falar. Quem é melhor que o Abel? O Dorival? O que ele ganhou até hoje ? Brasileiro? Libertadores ? Resp. NADA.
    Demitir técnico após 3 meses caímos no que sempre se faz. Temos na realidade que contratar um lateral direito e um zagueiro para completar a equipe.
    Se tivesse demitido Tite após perder para o Tolima o Corinthians nunca teria sido campeão.

    • O time estava melhor com Dorival do que com o técnico Abelssauro. Esse técnico tá ultrapassado e consegue ser inferior ao Dorival.

  • Não sabemos quem matará quem… se LANDIM a ABEL ou se ABEL a LANDIM.

  • o Abel eh ruim, com esse nao vamos a nenhum lugar. Mas quem temos no mercado? Dorival Jr? Pode ser.
    Nao passa pelo Penarol, se der empate podemos fazer festa, e nem assim garantimos 100% a classificacao

    • Antônio o que ganhou Dorival na sua carreira. Brasileiro? Libertadores? Sul Americana ? Resp. NADA

  • Lomba me desculpa por não ter votado em você e no seu grupo político, esse Landim é uma Besta, é outro banana, que não quer ver que Abel vai afundar o Flamengo

  • Porque tanta reclamação insultos e decepção? o Flamengo até aqui só disputou um título mesmo de pequena dimensão mesmo assim foi o campeão, está competindo em todas as outras competições, vocês estão reclamando deque? olha que eu era um grande admirador do Bandeira de Melo, deixa de ser politiqueiro cara! Se possível ajuda mais não atrapalha,admiro muito você tigu mais não estou lhe entendendo vamos ter mais calma amigo

    • Quero ver tu bater palma se a gente perder do Peñarol na quarta.

  • Apoiei, depositei toda confiança. Conseguiu vender Dourado e acertou em todas as contratações (inclusive Abel, que todos pensavam que só ficava atrás de Renato Gaúcho). Está de parabéns até aí. Agora vamos aos pontos negativos. Um presidente de um clube tem que entender de futebol e se meter nisso, cobrar firme do elenco e de seu técnico. Não tem que passar a mão na cabeça de ninguém, pois é o presidente de uma empresa que deve produzir e ter retorno após investimentos e salários em dia. E o principal problema, na minha opinião. Bandeira passou seis anos e sofremos seis anos dizendo que o maior problema eram as laterais e zaga. Landim chega e também não enxerga essas posições. Assim como Bandeira, só tem olhos para meias e atacantes, e com isso, mais uma vez estamos no caminho do insucesso. E não pode também ficar assistindo de camarote a revolta do torcedor com Arão e não se meter obrigando o técnico a fazer pelo menos um teste retirando esse jogador do time. É um absurdo a teimosia desse técnico, assim como era Zé Ricardo com M. Araújo de titular e nunca testou Cuellar, dizendo que Cuellar não sabia marcar e era segundo volante. Nem conhecia seu jogador. Abel não arrisca jogar sem Arão para não dá o braço a torcer e ver que sempre esteve errado. #ForaAbel! #ForaArão! #ForaPará! #ForaRodinei!
    #ContrataJemerson! #TestaLateraisDaBase

    • Quero lhe parabenizar pelas colocações, é um absurdo que o presidente não veja a desgraça do William Arão jogar péssimo, o cara não marca nada, não auxilia os laterais, erra passes infantis e não tem raça, até quando veremos este novo Márcio Caramujo jogando, pelo amor de Deus# fora Arão

  • Exatamente isso, Thigu. Parabéns!

  • Politicagem meu amigo thigu….nada mudou na república dos bananas..

Comentários não são permitidos.