“Esses seis meses foram tão maravilhosos”, afirma Pablo Marí, ao relembrar trajetória no Flamengo

FOTO: REPRODUÇÃO

Pablo Marí chegou ao Flamengo no meio do ano passado e, ao final da temporada, ergueu os troféus da Libertadores e do Brasileirão, se tornando o primeiro espanhol a conquistar os títulos. Carinhosamente apelidado pela Nação como ‘Xerife’, Marí tomou conta da zaga rubro-negra e chamou atenção de times europeus. Hoje no Arsenal, o Espanhol relembrou a trajetória pelo Mais Querido, agradeceu ao Mengão pela oportunidade e garantiu que foi um período maravilhoso.

Minha curva no futebol, eu nunca pensei que isso poderia acontecer. Mas, ao longo dos anos de trabalho, lesões, sem oportunidades, aprendi que no fundo se constrói uma atitude que diz: ‘No momento em que alguém me dá uma chance, não há como eu deixar ir’. O Flamengo me deu isso -, disse o zagueiro, antes de continuar e exaltar a Maior Torcida do Mundo:

–  70.000 pessoas nunca param de cantar, vivendo o dia como se não houvesse mais nada no mundo Lugar certo, hora certa.Se eu fosse mais jovem, poderia ter sido diferente. Mas, graças a esses anos de luta, tempos difíceis, esses seis meses foram maravilhosos -, afirmou, em entrevista ao jornal The Guardian.

Pablo Marí foi uma descoberta do Centro de Inteligência do Flamengo e a contratação teve o aval de Jorge Jesus. No entanto, quando confirmada a negociação com o Espanhol, o Mais Querido recebeu duras críticas de jornalistas e comentaristas esportivos por “trazer um zagueiro da segunda divisão da Espanha”. Todavia, Marí protagonizou atuações seguras e chamou atenção de times europeus.

 

Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Ao final do ‘ano mágico’, a Nação rubro-negra precisou se despedir do seu ‘Xerife’, que foi negociado com o Arsenal, da Inglaterra. Inicialmente, o contrato era de empréstimo por seis meses. No entanto, o clube inglês já informou ao Flamengo o desejo de comprar os direitos econômicos do atleta, que também já declarou a vontade de permanecer na Europa.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *