Jornalista aponta ‘divergências’ para renovação de Jorge Jesus e acrescenta: “Está muito difícil”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Mais um capítulo da novela envolvendo a renovação de Jorge Jesus foi iniciado. De acordo com informações do jornalista Venê Casagrande, do jornal “O Dia”, as partes tratam a negociação como “muito difícil”. Diversas divergências afastam um desfecho positivo, como destacou o profissional.

Flamengo e representantes de Jorge Jesus entendem que a negociação está muito difícil. Várias divergências atrapalham o acordo, como forma de pagamento, tempo de contrato… O câmbio do euro também é um adversário fortíssimo do Flamengo“, afirmou o jornalista, em seu canal no YouTube.

Venê ainda acrescentou que devem ocorrer, pelo menos, mais duas reuniões entre a diretoria do Flamengo e Bruno Macedo, advogado de Jesus, que está no Brasil para sacramentar o negócio. O contrato atual do treinador se encerra no fim de junho.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


A ideia do Flamengo é manter Jorge Jesus até o fim do mandato do presidente Rodolfo Landim, ou seja, até dezembro de 2021. Desde a chegada do português, o clube carioca faturou os títulos do Brasileirão, Libertadores, Supercopa, Recopa Sul-Americana e Taça Guanabara.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *