Ídolo! Zico faz vídeo em apoio a Rodrigo Rodrigues, jornalista rubro-negro internado por complicações da Covid-19

FOTO: DIVULGAÇÃO / CANAL ZICO 10

O jornalista Rodrigo Rodrigues, rubro-negro declarado, foi submetido neste domingo (26), à uma cirurgia após um quadro de trombose venosa cerebral. Ele teve quadro comprovado de Covid-19 com complicações posterior aos diagnóstico e precisou de intervenção cirúrgica para diminuição da pressão intracraniana e, encontra-se sedado e internado na unidade de tratamento intensivo. Zico, maior ídolo da Nação Rubro-Negra, gravou um vídeo com uma mensagem de apoio nesta segunda (27).

Ao acordar pela manhã aqui no Japão, tive uma notícia muito triste, mas temos muita esperança que o nosso querido amigo, Rodrigo Rodrigues, mais conhecido como “RR”, possa se recuperar e superar esse momento difícil que vive. Ele foi internado, parece que teve uma trombose, teve que fazer uma cirurgia de descompreensão no crânio e também está em coma induzido. Acho que temos que ter confiança, acreditar em Deus, que Ele possa estar no controle e que possa ajudá-lo e nós também com orações, transmitindo energias positivas para que ele possa sair dessa.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Segundo o Globo Esporte, o apresentador foi diagnosticado com Covid-19 há 15 dias, e estava afastado do trabalho deste então. No último sábado (25), ele deu entrada na emergência do hospital e teve confirmada trombose venosa cerebral.

O hospital Unimed-Rio divulgou novo boletim às 18h desta segunda-feira e informou que o estado do apresentador do SporTV Rodrigo Rodrigues é grave e que ele continua em coma induzido, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Veja o boletim do hospital:

“Boletim Médico 27/07/2020, 18h

O Hospital Unimed-Rio informa que, após a realização de novos exames, o paciente Rodrigo de Oliveira Rodrigues segue em coma induzido, em estado grave, monitorizado em unidade de terapia intensiva.

No último domingo, 26/07, o paciente foi submetido a procedimento para diminuição da pressão intracraniana em decorrência de trombose venosa cerebral. Rodrigo havia dado entrada na emergência da nossa unidade no sábado, 25/07, com quadro de cefaleia, vômitos e desorientação, além de diagnóstico prévio de Covid-19.

Paulo Henrique Ribeiro Bloise – Diretor Médico do Hospital Unimed-Rio”

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *