Churrasco e regras: Rafinha revela esforço para manter “melhor clima possível” no vestiário

Mesmo não sendo um dos três capitães do elenco, Rafinha também desempenhou importante papel de liderança dentro do vestiário do Flamengo. Entre lembranças e agradecimentos emocionados, durante a entrevista coletiva de despedida desta segunda-feira (17), o lateral direito falou sobre a relação de amizade dentro do clube e revelou alguns métodos colocados por ele para manter o “melhor clima possível” no vestiário.

“Eu lutei muito para que nosso grupo fosse fechado. Coloquei algumas regras que alguns gostavam e outros não, mas sempre procurei juntar o time, e fiz muito churrasco para o nosso time por causa disso. Sempre proucrava deixar o vestiário com o melhor clima possível. Devido ao nosso calendário a gente fica mais no clube do que em casa então queria deixar o ambiente o melhor possível. Isso da carne é porque toda semana eu fazia churrasco para a gente estar unido em todas as situações”.


Quem será o próximo a perder para o Mengão? Saiba como lucrar com previsões esportivas!


 

A declaração de Rafinha, sobre o vestiário veio após uma brincadeira. Gabigol e Filipe Luís perguntaram ‘quantos quilos de carne Rafinha tinha comprado em 2019’, uma referência aos churrasco que ele havia organizado. Durante o clima de descontração, Filipe Luís prestou breve homenagem e exaltou a importância do ex-lateral direito do Flamengo, em mais um momento de emoção durante a coletiva.

“Eu tive que vir ao vídeo para dizer que eu amo você e agradecer por tudo que você fez pela gente. Você deixou um legado aqui e o cara que chegar aqui, vai precisar suar muito pra chegar na sola da sua chuteira”.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *