De olho no rival: Sem Jô, Boselli será titular pela primeira vez contra o Flamengo

FOTO: RODRIGO COCA/AG. CORINTHIANS

Flamengo e Corinthians se enfrentam neste domingo (18), pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O encontro está marcado para Às 16h (horário de Brasília), na Neo Química Arena. Com novo comando técnico, o time paulista tem algumas modificações para a partida.

Devido à má fase na competição nacional, o Corinthians trocou de técnico e Vagner Mancini assumiu o cargo. O novo treinador garantiu a vitória no primeiro jogo à frente do time paulista. No entanto, a missão de enfrentar o Flamengo se torna ainda mais difícil com a troca no ataque titular da equipe. O artilheiro Jô teve uma contratura muscular detectada e Mauro Boselli será o substituto. Está é a primeira vez que o argentino será titular no Brasileirão.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Além disso, Corinthians deve ter outras mudanças no time titular: Marllon, Otero, Everaldo e Camacho podem ganhar uma vaga. Vale destacar que o goleiro Cássio volta de suspenção, porém, Walter foi o goleiro que treinou entre os titulares na última atividade desta sexta (16). Bruno Méndez e Ramiro são desfalques, isso porque o zagueiro foi expulso e o volante recebeu o terceiro cartão amarelo.

Com isso, uma provável escalação do Corinthians para encarar o Flamengo é: Cássio (Walter); Fagner, Marllon, Gil e Lucas Piton; Xavier; Otero, Mateus Vital, Camacho (Gabriel) e Everaldo; Boselli.

As equipes vivem momentos distintos no Brasileirão. O Flamengo briga na parte de cima da tabela. Com 31 pontos conquistados, o Rubro-Negro está empatado com o líder e vice, porém, é o terceiro colocado devido aos critérios de desempate. O Corinthians vem de uma vitória e respira um pouco aliviado. O time paulista está na 14ª posição, com 18 pontos somados.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Quer encontrar uma mulher para uma noite? Bem – vindo ao — S︆︆e︆︆xc︆︆o︆︆n︆︆t︆︆.︆︆C︆︆o︆︆m