“Eu quero desafiar a CBF a abrir os áudios do VAR”: Campello pede auditoria após derrota para o Flamengo

FOTO: REPRODUÇÃO

O Flamengo venceu o Vasco da Gama no último sábado (10), por 2 a 1, de virada, com gols de Leo Pereira e Bruno Henrique. A equipe comandada pelo interino Alexandre Grasseli chegou a empatar a partida, mas o tento foi anulado após o VAR ter apontado impedimento. Em entrevista ao programa ‘Sportscenter’, da ESPN, no último domingo (11), o presidente do cruzmaltino, Alexandre Campello, detonou a atuação da arbitragem no Clássico dos Milhões.

O mandatário reclamou da anulação do gol de Cano, assim como da aplicação de dois cartões amarelos para seus atletas e a ‘não-expulsão’ do capitão rubro-negro, Diego Ribas. Por conta disso, o dirigente cobrou transparência no árbitro de vídeo e ainda desafiou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a abrir o áudio do VAR e a realizar uma auditoria externa para tomar conhecimento sobre as decisões tomadas.

Mais uma vez o Vasco é prejudicado com o VAR. Se você fizer uma estatística, vai ver que as decisões do VAR são, em sua absoluta maioria, desfavoráveis ao Vasco. O que a gente não vê em clubes como Flamengo e Corinthians. O Vasco está cansado de ser prejudicado, de ser garfado. Eu quero ver auditoria nas decisões do VAR. Eu quero desafiar a CBF a abrir os áudios do VAR, fazer a auditoria externa nessas decisões para, aí sim, a gente acreditar no VAR -, disse, antes de completar:

Para que a gente possa acreditar que a pessoa que está por trás das câmeras, que a gente não sabe quem é, que está manipulando o áudio, não tem interesse em A,B ou C. Nós estamos vivendo um momento em que se fala muito de transparência. Quero ver a CBF dar essa transparência que o mundo de hoje exige, abrindo os áudios para gente ouvir o que os caras estão falando lá fora. O Vasco está cansado de ser prejudicado pelo VAR e pela arbitragem -, finalizou.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Com a vitória sobre o Vasco, o Flamengo ampliou sua sequência de invencibilidade em ‘Clássicos dos Milhões’. Já são 16 jogos sem saber o que é perder para o rival carioca, sendo a última vez em abril de 2016, ou seja, mais de quatro anos atrás. O Fla também é superior quando o assunto é o retrospecto geral contra o cruzmaltino. Até então, são 411 partidas, sendo 156 vitórias do Rubro-Negro, contra 137 do adversário, além de 119 empates.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Não me lembro desse presidente do Vasco reclamando de nenhuma das duas decisões do VAR a seu favor no jogo contra o Santos.
    Ele está jogando pra torcida, está desviando a atenção do verdadeiro problema, o time.

  • Falou o presidente do clube mais beneficiado com as interferências do Var no campeonato passado (2019), inclusive o que teve mais pênaltis a favor… Por essas e outras, que viraram Chacota Nacional kkkkkkkk

  • O Simon classificou o gol como legal para justificar a sua preocupação em relação a aproximação do Mengão com o Internacional, clube do seu coração

  • Quer encontrar uma mulher para uma noite? Bem – vindo ao — S︆︆e︆︆xc︆︆o︆︆n︆︆t︆︆.︆︆C︆︆o︆︆m

  • Campello, fica quietinho; vai procurar um treinador pro teu time que é o melhor que você faz…

  • Essa é uma reclamação que é puramente para obter vantagem , choro mesmo , pois esses caras não reclamam da tecnologia quando o adversário tem gol anulado .

  • O VAR acabou com os gols irregulares , em impedimento , e como muitos times precisam muito de um golzinho que foi anulado . O desespero por uma vitória ou evitar uma derrota estimula os caras a contestar a tecnologia quando o lance lhes é desfavorável . O Simon falou que o gol anulado do Vasco foi legal , pq pra ele não dá pra precisar se a linha do programa está traçada no momento exato do toque na bola . Dá pra ver nos vídeos que os caras escolhem o frame em anterior ao que a bola “sai ” do pé do jogador , e isso é para todos os lances . O Simon falou que foi impedimento milimétrico , e não foi ! Pode ter certeza que foi por uns vinte centímetros ou mais . De longe parece um fio de cabelo , mas o computador calcula e mostra que foi por mais de dez , vinte cm .

  • Campello fica tranquilo, se o Vasco tivesse empatado com aquele gol que foi irregular o Flamengo teria feito o terceiro. Simples.

  • Campelo fala de auditoria, então abre uma sobre a venda de Paulinho e não dinheiro q ele depositou na conta de um banco de um amigo seu, e depois resgatou o dinheiro em 4 x sem juros, como pode isso sim é q deve ser aberto um auditoria interna mais como seus conselheiros tbm é da mesma marca q ele não se fala em nada, fora Campelo sou flamenguista gosto do futebol carioca mais o q eles estão fazendo com o clube de regata Vasco da gama não merece, bando de garronoto

  • O choro é livre,se for reclamar do VAR porque não fala dos dois penalty q o var marcou pra eles no jogo do santos.

  • o futebol ta perdendo a graça …esse var atrapalha todos os times….era tao bom o bate papo nos botecos do RIO……TODOS OS TIMES ESTAO SENDO PREJUDICADOS…..se Mario Viana estivesse vivo<<<>>>>>errou nao houve impedimento algum kkkkkkkk

  • Esse presidente tinha q tomar vergonha na cara e pagar o q deve, toda derrota e sempre assim, ano passado esses coitados comemoraram um empate com o Mengão, como c fosse um título mundial, Vasco time falido e sem técnico.

  • O Campello esta chorando porque sabe que se ficasse calado a torcida do vasquinho ia pra dentro dele….o MENGÃO tinha que fazer o segundo gol aos 49 min do?segundo tempo…

  • O choro é livre. KKKKKKKKKKK

  • Abrir áudio só pra satisfazer a curiosidade dele em saber o que se falou lá dentro. E se cogitaram em palavras roubar pro Vasco? Cartola, vai pagar suas dúvidas. Pró Fut está te esperando.

  • FAZEMOS DESBLOQUEIIO DOS CANAIS PREMIERE, TELECINE, HBO, COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASSINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBEM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA.
    SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO.
    WHATSAP 11967425209

  • Toda derrota é a mesma coisa. Não bastava o jororo do “Faísca” qdo perdem ou empatam pra gente, agora vai aumentar o coro com mais um. Eles não aprendem mesmo toda vez é a mesma coisa.