Com adversário definido, Flamengo estreia no NBB na próxima semana

FOTO: PAULA REIS/FLAMENGO

O Flamengo entrou em quadra na última sexta-feira (30), para buscar o título inédito na Champions League Américas. Em decisão com jogo único, o Orgulho da Nação não impôs seu ritmo e viu o Quimsa, da Argentina, dominar todo o confronto e sair com o título na primeira edição do torneio, ao vencer a partida por 92 a 86. Agora, o Mais Querido vira a chave e se prepara para seu próximo desafio: a estreia no Novo Basquete Brasil (NBB).

A edição 2020-2021 da competição nacional começa no dia 10 de novembro e, marcando a estreia do torneio, o Flamengo encara o Minas Tênis Clube. O confronto acontece a partir das 20h (horário de Brasília), no Maracanãzinho. O ginásio, vale destacar, foi escolhido como a primeira ‘bolha’ para receber os jogos do NBB.

Devido à pandemia da Covid-19, a Liga Nacional de Basquete (LNB) criou um protocolo especial de saúde e segurança para minimizar os riscos de contaminação pelo vírus. O ‘manual’ de prevenção foi aprovado por unanimidade por todos os clubes que estão confirmados na 13ª edição do campeonato.

Seguindo um dos tópicos apresentados no protocolo, o Flamengo terá outros dois jogos no Maracanãzinho antes de fazer sua primeira viagem para disputar o NBB. Na sequência após a estreia, dia 12, o Fla enfrenta o Fortaleza, às 18h (horário de Brasília) e, por fim, no dia 14, o Unifacisa, às 20h (horário de Brasília).

CONFIRA O CALENDÁRIO:

Dia 10 (terça-feira)
Flamengo x Minas – 20h

Dia 12 (quinta-feira)
Flamengo x Fortaleza – 18h

Dia 14 (sábado)
Flamengo x Unifacisa – 20h


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Vale ressaltar que a temporada 2019-2020 do NBB foi cancelada devido à pandemia do novo coronavírus. Na ocasião, o Flamengo liderava a competição. No entanto, a LNB junto aos clubes participantes do torneio, decidiram, por unanimidade, que nenhuma equipe seria declarada campeã.

Para a temporada 2020-2021, o treinador Gustavo de Conti terá os seguintes atletas à sua disposição: os armadores, Franco Balbi, Yago Mateus, e Matheusinho; os ala-armadores, Chuzito Gonzalez e Pedro Nunes; os alas Marquinhos, Jhonatan Luz, e Rafael Rachel; os ala-pivôs Olivinha e Léo Demétrio; e os pivôs Rafael Mineiro e Rafael Hettsheimeir.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *