Ala da diretoria do Flamengo já quer demissão de Ceni, e cúpula se reúne nesta segunda-feira

FOTO: THIAGO RIBEIRO / AGIF

Sem vencer há três jogos, com direito há duas derrotas melancólicas no Maracanã, o clima no Flamengo é de muita pressão, sobretudo para o técnico Rogério Ceni, questionado pela torcida rubro-negra. Diante de tal cenário, uma reunião está marcada para o fim desta tarde, entre o Conselho de Futebol, para definir a situação do treinador.

No início da manhã desta segunda, membros do conselho foram à Gávea e conversaram com o presidente Rodolfo Landim. O trabalho de Rogério foi previamente discutido e a demissão do comandante não está descartada, visto que uma ala da cúpula rubro-negra já quer a cabeça do treinador.

Em síntese, de acordo com o jornal “O Dia”, o fato de Ceni ter diálogo apenas com os líderes do elenco, como Diego Ribas, Filipe Luís, Diego Alves e Rodrigo Caio, incomoda os outros jogadores. Tais atletas inclusive, são vistos frequentemente na sala do treinador, diferente dos demais. Por certo tal clima de “panela” e “grupos dissidentes” é comentado e vem minando o ambiente.

Nos bastidores, o diretor executivo Bruno Spindel cada vez mais vem perdendo força com o grupo de jogadores. Ele havia prometido quitar a premiação referente aos títulos da Recopa, da Supercopa do Brasil e do Campeonato Carioca para dezembro de 2020, mas não cumpriu o acordo e estipulou um novo prazo, previsto para fevereiro. Por outro lado, Marcos Braz, que ainda tem voz e bom relacionamento com os atletas, tenta reverter a situação e acalmar os ânimos, mas se encontra isolado. Na visão de funcionários do Ninho, o vice-presidente de futebol é o único que tenta fazer algo para melhorar o ambiente.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Na corda bamba, Rogério vive indefinição no Flamengo. A diretoria analisa o cenário e se pergunta quem pode assumir o time em uma eventual saída do técnico. Juan, ex-jogador e ídolo do clube, é um candidato comentado internamente para assumir o time e finalizar o Brasileirão 2020. O Mais Querido volta a campo apenas na próxima segunda-feira (18), quando enfrenta o Goiás, às 20h (horário de Brasília), em Goiânia.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *