#Nossos10 | Dois anos após tragédia, Flamengo adota tons de luto em redes sociais

FOTO: FLAMENGO

Nesta segunda-feira (08), uma das maiores tragédias já vistas no Rio de Janeiro aconteceu no CT do Flamengo. Neste mesmo dia, em 2019, dez jovens da base do Rubro-Negro morreram após incêndio no Ninho do Urubu. Em homenagem aos garotos, o Mais Querido mudou a configuração de seus perfis oficiais nas redes, adotando tons de luto. Em contato com o diretor de comunicação do clube, Bernardo Monteiro disse que é difícil falar sobre o incidente.

– É difícil falar. Jamais esqueceremos a memória dos nossos garotos – , disse Bernardo Monteiro, diretor de comunicação do clube, à reportagem do Coluna do Fla.

Até o momento, o Flamengo conseguiu fechar as negociações sobre as indenizações de oito famílias, além do pai de Rykelmo. A diretoria do Rubro-Negro ainda não conseguiu chegar a um acordo com os parentes de Christian Esmério.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Dez meninos faleceram naquele dia 8 de fevereiro de 2019, sendo eles: Athila Paixão, Arthur Vinícius, Bernardo Pisetta, Christian Esmério, Gedson Santos, Jorge Eduardo Santos, Pablo Henrique da Silva Matos, Rykelmo de Souza Vianna, Samuel Thomas Rosa e Vitor Isaías.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *