Apesar de lesões, Gabigol fecha temporada 2020 como segundo atleta com mais participações em gols

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Desde que chegou ao Flamengo, Gabriel Barbosa adquiriu o protagonismo na equipe. Decisivo em todos os recentes títulos conquistados, o camisa 9 foi referência na reta final do Campeonato Brasileiro quando chamou a responsabilidade e colocou o Rubro-Negro de vez na briga pela competição. Não à toa, o atacante encerrou a temporada como o segundo atleta com mais participações em gols.


Gabigol viveu uma temporada atípica em 2020, isso porque, o jogador teve a lesão mais grave de sua carreira, o que o deixou fora dos gramados por algum tempo. Porém, ainda assim, o atacante conquistou números expressivos nas competições. No temporada, por exemplo, foram 39 participações em gol, ficando atrás somente de Vina, do Ceará, que somou 42. Cabe destacar que o camisa 9 rubro-negro balançou as redes 14 vezes no Brasileirão.

Além de Gabigol, o Flamengo possui outros dois representantes entre os atletas que mais participaram de gols no futebol brasileiro. Bruno Henrique aparece em sexto lugar, com 31 e Pedro figura em oitavo, com 27. Curiosamente, os dois também foram os que mais balançaram as redes na competição ao lado de Gabigol. O camisa 21 marcou 13 gols, enquanto o camisa 27 foi responsável por nove tentos convertidos.

RANKING DE PARTICIPAÇÕES EM GOL:
1º:
Vina (Ceará) – 42
2º: Gabigol (Flamengo) – 39
3º:
Diego Souza (Grêmio) – 35 
4º:
Marinho (Santos) – 32
5º:
Thiago Galhardo (Internacional) – 32
6º: Bruno Henrique (Flamengo) – 31
7º:
Luciano (São Paulo) – 28
8º: Pedro (Flamengo) – 27
9º:
Nenê (Fluminense) – 27
10º:
Claudinho (Bragantino) – 26

*Dados do Sofascore


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Apesar das lesões e com apenas 43 jogos vestindo o Manto Sagrado, Gabriel Barbosa encerrou a temporada de 2020 sendo o artilheiro do Flamengo, com 27 gols ao todo. Este número rende ao atacante rubro-negro o segundo lugar na artilharia do futebol brasileiro, isso porque, o jogador ficou atrás somente de Diego Souza, do Grêmio, que converteu 28 tentos.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *