Coordenador detalha contratação de paraguaio Peralta para a base do Flamengo: “Não está aqui à toa”

FOTO: REPRODUÇÃO/FLATV

Nos últimos anos, o Flamengo tem investido não somente no elenco profissional, mas também na categoria de base. O volante paraguaio Fabrízio Peralta, de 18 anos, chegou ao Rubro-Negro na última semana e irá reforçar a categoria sub-20. O Fla tratou de explicar como se desenvolveu a observação e contratação do atleta.

Através de um vídeo na FlaTV, canal oficial do clube no YouTube, Thiago Rocha, coordenador de captação da base, revelou que o Flamengo monitorou por cerca de dois anos o atleta, inclusive em jogos “in loco“, ou seja, presencialmente. O Rubro-Negro observou partidas tanto na Copa Libertadores Sub-20 de 2020, pelo Cerro Porteño, quanto no Mundial e Sul-Americano Sub-17, pela seleção do Paraguai.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


É um processo longo de observação. O Peralta não está aqui à toa. O primeiro representante do clube que foi ao Sul-Americano de 2019, Ricardo Leão, o observou in loco, logo depois os observadores do Brasil o viram no Mundial, e eu estive na Libertadores Sub-20 vendo os seus jogos. Teve um processo de vídeo e um processo in loco até chegar a esse momento de contratação. Vimos, pelo menos, uns 15 jogos do Peralta. É um processo totalmente integrado ao profissional e está se estendendo para a base. O Flamengo sai na frente dos outros clubes -, disse o coordenador.

Peralta assinou contrato até dezembro de 2021, com opção de compra. Assim como o volante paraguaio, o Flamengo observa outros atletas sul-americanos. Contudo, com pouco poder de investimento neste momento, por conta da pandemia da Covid-19, o Rubro-Negro é paciente no mercado e não pretende gastar muito dinheiro, seja para a base ou para o profissional. O Departamento Financeiro trabalha com a hipótese de não haver receita de público pagante tão cedo nesta temporada, além de a verba com sócios-torcedores ter caído consideravelmente nos últimos meses – como deve permanecer caindo.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *