Rafinha prega respeito a Isla e projeta disputa por posição: “Venho para ajudar”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Rafinha deixou o Flamengo em agosto de 2020 para defender o Olympiacos, da Grécia, e sua saída não foi previamente comunicada. Com a perda do camisa 13, o Mais Querido precisou estudar o mercado e encontrar um substituto com certa urgência, considerando que os reservas da posição eram jovens das categorias de base do clube. Para o lugar do lateral-direito, o Rubro-Negro contratou Isla, destaque pela seleção do Chile, que já chegou ao clube como titular.

Apesar de ser o dono da posição, Isla não é unanimidade entre a torcida, que já vive a expectativa do retorno de Rafinha. Isso porque, o lateral-direito não demorou muito para agilizar a volta ao Brasil, e negocia com o Flamengo um novo contrato.

Próximo de acertar com o Mais Querido, Rafinha comentou sobre a titularidade de Isla, exaltou a força do camisa 41, e pregou respeito ao atual dono da lateral-direita, com quem vai disputar posição.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Eu não tenho contato com o Isla, mas eu joguei com o Vidal muito tempo, e ele sempre falou dele. Eu cheguei a conversar com ele pessoalmente. É um jogador que merece respeito, jogou Copa do Mundo pelo Chile, merece respeito. Na Europa foi muito bem, tem muita força, ele é muito forte. Qual clube não quer ter dois laterais bons no mesmo time? O Flamengo precisa se orgulhar disso, é ótimo para qualquer clube. Todo mundo me conhece, eu venho pra somar, pra ajudar. A gente vem para ajudar, ele merece muito respeito como todos que estão jogando no Flamengo -, disse, em entrevista ao ‘Canal Barbaridade’.

Rafinha e Flamengo já vem conversando há algum tempo, e a expectativa é de que as negociações sejam concluídas ainda esta semana, com desfecho positivo para ambas as partes.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Concordo com você Darcy Brasil, apenas gostaria de acrescentar o seguinte, seria bom que
    o flamengo emprestasse Ramon, Noga, Otavio, Matheusinho, Lazáro, Pepe e Daniel Cabral,
    nos mesmos moldes que foi feito com Yuri César ao fortaleza, Rodrigo Muniz ao coritiba e
    Ronaldo ao bahia. Está chegando Rafinha que joga na lateral e no meio campo, Arturo Vidal
    sondado para o meio campo, esta garotada não vai ter chance nunca, melhor colocar os
    garotos em ação em clube da série A, aqueles que se destacarem ao voltarem estão aptos
    pro profissional, melhor do que deixar os atletas apenas treinando durante 3 a 4 anos e
    depois dispensar sem observar o potencial dos jogadores.

  • Essa contratação praticamente
    bloqueará o espaço de evolução
    para Matheuzinho, já com 20
    anos., talvez, o mais promissor
    ala pela direita surgido nos
    últimos 10 anos. Seria titular
    na maioria absoluta dos
    clubes que disputarão a
    série A do brasileirão.
    Não sei se Rafinha, agora
    com 36 anos, terá a mesma
    produtividade do Rafinha
    então com 34 anos. Nessa
    faixa etária, uns deixam de
    atuar no mesmo nível do
    ano anterior abruptamente,
    outros, transferem para
    o futuro o momento de
    decadência física para
    a praticar futebol em
    alto nível como faziam.