Em dois jogos, time titular do Flamengo marcou a mesma quantidade de gols que o Palmeiras na temporada

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

No próximo domingo (11), a decisão da Supercopa do Brasil colocará frente a frente os dois elencos de maior domínio nos anos recentes: Flamengo e Palmeiras. No comparativo entre as equipes, no recorte do período considerado pré-temporada, é possível observar uma supremacia rubro-negra, principalmente nos números entre os ataques de cada time.

Enquanto o Palmeiras, líder do grupo C do Paulistão, também com elenco alternativo e peças dos titulares,  marcou oito gols em quatro jogos, o elenco titular do Flamengo conquistou o mesmo número de tentos em apenas 180 minutos, duas partidas. A dupla Bruno Henrique e Gabigol é responsável por três marcas na temporada 2021, mesma quantidade que os três atacantes do Alviverde juntos.


Apoie o Mengão! Camisa e outros produtos oficiais em promoção


Já o trio de ataque rubro-negro é responsável por cinco dos oitos gols na temporada, dois a mais se comparado aos atletas ofensivos da equipe paulista. Os números da defesa também são expressivos: o Palmeiras sofreu três tentos em quatro partidas, e o Flamengo, por sua vez, tomou quatro em oito confrontos.

Se o comparativo for entre os elencos alternativos, o Flamengo também leva vantagem. O grupo sub-20 carioca, considerado plantel C,  marcou 10 gols ao todo, enquanto os reservas do Palmeiras, time B, apenas sete. Na defesa, os jovens rubro-negros sofreram três tentos e os paulistas dois – o terceiro foi com os titulares.

O elenco com todas peças titulares do Palmeiras foi utilizado contra o São Bento no Paulistão, dia 24 de março. Na ocasião, a equipe paulista marcou apenas um gol, com Gustavo Gómez, e teve Weverton expulso. Na estreia dos principais do Flamengo, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol foram responsáveis por um tento cada.

No próximo domingo (11), o Flamengo vai a campo para buscar o bicampeonato consecutivo da Supercopa do Brasil. Em 2019, também no Mané Garrincha, o Rubro-Negro carioca superou o Athlético-PR por 3 a 0, ainda sob o comando de Jorge Jesus. A decisão entre cariocas e paulistas está marcada para às 11h, em Brasília.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *