Flamengo encaminha acordo com clube belga para venda de Rodrigo Muniz

FOTO: MARCELO CORTES / FLAMENGO

Em meio às negociações com o Olympique de Marselha por Gerson, o Flamengo também avançou nas tratativas com o Genk, da Bélgica, para vender Rodrigo Muniz. As conversas entre os clubes já caminham para um acordo e a transação pode ser concretizada nos próximos dias. A informação foi divulgada primeiramente por Venê Casagrande.

A princípio, o Genk ofereceu ao Flamengo 2,5 milhões de euros à vista, além de uma parcela de 1,5 milhão a serem pagas em novembro, e outra possível de 500 mil, caso o atacante participe de 20 jogos nas duas primeiras temporadas. Dessa forma, no total, a transação pode render 5 milhões de euros (cerca de R$ 33 milhões) aos cofres do Rubro-Negro.

Com o valor oferecido, o clube belga pede 70% dos direitos econômicos de Rodrigo Muniz. No entanto, o Flamengo deseja permanecer com 50%, pensando em uma futura venda do atleta. Para isso, o Mais Querido conversa com o Desportivo Brasil, clube detentor de metade do percentual do atacante. O Genk, por sua vez, já aceitou as condições do Fla e aguarda o desfecho da tratativas entre os times brasileiros.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Com otimismo na negociação, o Flamengo espera vender o garoto já nos próximos dias. A diretoria rubro-negra ainda coloca expectativa em uma possível futura ‘segunda venda’, pela juventude do atleta e por enxergar nele um potencial para clubes grandes na Europa. Vale destacar que o contrato de Muniz com o Mengo vai até 2024.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Landim se revelando um ganancioso gestor, que vende a preço de banana suas promessas (Natan, Lázaro e agora Rodrigo) e realidades (Gérson) sem pensar no retorno em campo ou na falta de reposição das peças. Vejamos, quem será o centroavante quando Pedro e Gabigol servirem à seleção?

    Quanto ao Gérson, além da pechincha oferecida, já que ele certamente será ainda mais valorizado após as Olimpíadas, ele é peça estrutural do time e não há ninguém no mercado como ele. Vejo os ‘entendidos’ dizendo que Tiago Maia ou João Gomes podem substituí-lo, o que é uma prova de desconhecimento.

    Primeiro que o ideal seria ver Tiago e Gérson juntos, já que fazem funções diferentes. Embora ambos lancem, tenham bom passe e saibam distribuir o jogo, Tiago é combativo e marca melhor, enquanto Gerson tem mais refinamento e habilidade para apoiar e até finalizar de fora da área. Com os dois juntos, podemos vencer tudo. Sem o Gerson, deixaremos o patamar mais alto e nos igualaremos aos demais (peppa, galo, sp).

    Quanto ao João Gomes, ele ainda é muito jovem e precisa de amadurecimento. Pelo que conheço da nossa torcida, no primeiro erro grave do moleque vão pedir a cabeça dele e vão se esquecer que é só um garoto.

  • Mais uma vez o Flamengo rifando um jovem promissor , o Rodrigo Muniz, a preço de banana e a prazo, o Flamengo virou uma xepa.

  • Na reportagem consta que o pagamento se dará da seguinte forma:
    – $ 2.5 milhões de euros à vista;
    – + $ 1.5 milhão de euros em novembro:
    – e no futuro + $ 500 mil euros se bater metas.
    Somando dá $ 4,5 milhões de euros e não $ 5 milhões como está escrito.

  • Há necessidade de venda mesmo, mas também precisamos de peças para reposição…No momento não, mas com convocações de Pedro e Gabigol vai complicar um pouco se afetar jogos de mata a mata ou até mesmo pelo Brasileirão e Copa do Brasil e libertadores

  • Não se pode avaliar o Rodrigo Muniz, um jogador jovem, que pouco jogou no time titular, com os mais antigos. que vem sempre jogando. Rodrigo tem potencial, com sequência de jogos pode ser tão bom quanto o Pedro e Gabigol, ou melhor. Pelo valor irrisório da venda do jogador., melhor faria o Flamengo pagar os 50% ao Clube Desportivo Brasil e ficar com o jogador. Centro avante de ofício que sabe jogar de costas para o gol, tem altura para cabecear, bate bem com as duas pernas e tem bom domínio de bola como Pedro e Rodrigo Muniz, é raro.

  • Acho um excelente negócio. Não consigo enxergar todo esse potencial em Rodrigo Muniz para jogar em clube grande europeu. Além disso, dois dos melhores atacantes do Brasil, que jogam na posição do Muniz, Pedro e Gabigol, estão atualmente no elenco e são jovens ainda. A deficiência maior do Mais Querido está na zaga e no gol.

  • flamengo só vende. com Gabi e Pedro em seleções, quem será o 9 do time???? essa diretoria só pensa em fazer caixa agora. os jogadores que podem ser bem vendidos estão acabando!!!