Preso injustamente desde 2019, Robson retorna ao Brasil e revela desejo de conhecer jogadores do Fla

FOTO: MARCEL LINS

O ex-motorista Robson, detido há mais de dois anos na Rússia, finalmente chegou ao Brasil. O ex-funcionário de Fernando, meia do Beijing Guoan, desembarcou no aeroporto do Galeão, com uma jaqueta de couro e escudo do Flamengo. No retorno, ele revelou alguns desejos para o novo presente. Entre eles, o sonho de conhecer Gabigol, Arrascaeta e Bruno Henrique.

Durante uma conversa com a jornalista Gabriela Moreira, Robson contou que sequer conhece o rosto de Jorge Jesus – já que Abel Braga ainda era técnico do Flamengo quando foi preso. Detido há mais de dois anos na Rússia, o motorista não fez parte de nenhum dos momentos emblemáticos da temporada rubro-negra de 2019, assim como das últimas conquistas em 2020.

SEGUE O DIÁLOGO:
Robson, você não sabe nem a cara do Jorge Jesus, né?
Robson: “Não, quando fui preso o técnico era o Abel”.

Quem do Flamengo você quer conhecer?
Robson: “Sou flamenguista, né? Então quero conhecer a equipe toda, se for o caso. Mas especificamente, quero ver Gabigol, Bruno Henrique e Arrascaeta, pois ele é um maestro”.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


Robson acompanhou o início da trajetória de Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol, mas ainda não faz ideia da dimensão deste trio dentro do futebol brasileiro. O motorista sequer soube e nem viu as chegadas de Rafinha, Pablo Marí, Filipe Luís, Gerson e, claro, Jorge Jesus.

O ex-motorista foi preso em março de 2019, quando desembarcou na Rússia com uma caixa de Mytedon, medicamento proibido no país europeu, mas liberado no Brasil. De acordo com Robson, a droga foi solicitada pelo sogro de Fernando, meia do Beijing Guoan, com quem trabalhava à época. A informação, porém, foi negada pelos familiares do atleta.

Neste período, Fernando foi transferido para o futebol chinês e Robson seguiu detido no país europeu. O pedido de liberação do motorista passou por uma comissão regional de Moscou antes de chegar às mãos de Vladimir Putin, presidente da Rússia, nesta semana.

No Brasil, Robson foi recepcionado pela mãe, dona Vanda, um dos filhos, Robson Júnior, o advogado, Olímpio Soares, e amigos do ex-motorista de Fernando. Além disso, o presidente Jair Bolsonaro também esteve presente no aeroporto Galeão.

Veja também