Flamengo é condenado pela Justiça e terá que pagar mais de meio milhão a Everton ‘Motorzinho’

Cabe destacar que, originalmente, Everton Cardoso pediu R$ 4.487.922,18 do Flamengo. No entanto, o juiz decidiu acolher o pedido de prescrição do primeiro contrato do jogador com o Mais Querido, feito entre 17 de abril de 2014 a 31 de dezembro de 2017, e extinguiu o processo em relação a esse período, sem condenação.

Assim, os pedidos feitos pelo jogador referentes ao segundo contrato com o Flamengo foram julgados pelo juiz, referentes ao contrato vigente entre 1 de fevereiro de 2017 a 31 de dezembro de 2019, com encerramento antecipado no dia 17 de abril de 2018, uma vez que o próprio atleta fez o pedido de demissão.
Atualmente, Everton Cardoso defende as cores do Grêmio, mas não tem espaço na equipe sulista, ficando no banco de reservas. O jogador chegou a atuar pelo São Paulo após deixar o Rubro-Negro, mas também não convenceu em suas atuações e foi cedido ao clube do Sul.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Urubu Rei, seu comentário beira aCRETINICEsó pelo fato de usar a palavra Márcio Araújo, que é odiado por onde passou, até no CSA e hj joga no time dosCRETINOSpernambucanos do xipot! Cuellar não tirou o Márcio Araújo do time, ele ficou 1 ano no banco pra o demônio Márcio Araújo que só enganava torcedorBurroComo vc. Quem não prestava era o Rincon que só sabia dar cotovelada, jogar o corpo pra cima dos outros e um chute forte, talvez, nada mais do que um jogador desonesto! Lembro de ídolos na posição como Leandro Ávila, Maldonado em 2009 no fim de carreira, mas campeão! Mas nós não tinhamos um volante tão bom quanto Cuellar há uns 10 anos quase depois do Maldonado! Cala a boca UrubuRei!

  • Tinha torcedor idolatrando esse cara como se fosse craque só porque dava o sangue em campo. Daí ele foi pro São Paulo e pegou banco, foi pro Grêmio e pegou banco, agora dispensado do Grêmio vai pegar banco em outro time. Jogador raçudo, se doa em campo, corre bastante e decepciona tecnicamente. Mas se tivesse ficado no Flamengo era capaz de ter torcedor pedindo ele no time até hoje. Igual aquele Cuellar, só porque tirou o Márcio Araújo do time virou o novo Rincón. Até chegar o Jesus e mostrar que o Arão era melhor.