Jornalista aponta caminho para Renato Gaúcho obter sucesso no Flamengo

O Flamengo inicia na noite desta quarta-feira (14) uma trajetória nova sob o comando de Renato Gaúcho. O técnico enfim chegou ao clube o qual sonhou treinar e estreia às 21h30 (horário de Brasília) diante do Defensa y Justicia, pelas oitavas da Libertadores. Para Renato Maurício Prado, a aposta rubro-negra foi certeira e tem tudo para dar certo – principalmente considerando as personalidades dos dois últimos comandantes.

Eu acho que dá para esperar coisa boa. Não acho o Renato Gaúcho um gênio como treinador, mas não via muita opção neste momento para substituir o Ceni, porque precisava de um técnico para entrar e assumir logo. Acho que o Renato vai conseguir melhorar bastante o Flamengo, porque ele não é um inventor. É só não inventar nada. Ao contrário de Rogério Ceni, que estava sempre tentando alguma coisa –, opinou durante o UOL News Esporte.

Sempre tinha Arão na zaga, Diego de volante, Thiago Maia de ponta direita… o Renato Gaúcho costuma dizer o seguinte: futebol é uma coisa muito simples, basta jogar cada um na sua posição e ter um esquema tático bem definido.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Renato Gaúcho chega ao Flamengo após a breve passagem de Rogério Ceni, que esteve oito meses à frente do clube e conquistou três títulos importantes. O ex-goleiro deixou o Rubro-Negro com 67,7% de aproveitamento – quarta melhor média entre times da Série A do futebol nacional.

Flamengo e Defensa y Justicia se encontram pela primeira vez nas oitavas da Libertadores 2021 na noite desta quarta-feira (14). A bola vai rolar às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio Norberto “Tito” Tomaghello, na Argentina. Além da estreia de Renato, a partida marca, ainda, o retorno de Gabigol.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Essa história de “é só não inventar” é a maior bobagem já dita no futebol. O Flamengo de 2019 foi campeão após o Jorge Jesus definir Arão como primeiro volante na vaga de Cuellar e Diego segundo volante. Mudou o esquema pra um 4 4 2 que não havia sido visto no futebol brasileiro há muito tempo, e usando o Bruno Henrique de centroavante (invenção do Abel Braga) e o meia Reiner como reserva tanto do Bruno quanto do Gabriel. Já pensou se o Jesus chega e “não inventa nada”? A propósito, depois que o Ceni mudou a zaga pra Arão e Gustavo Henrique (Rodrigo Caio machucado) e usou o Diego como primeiro volante, foi quando o Flamengo teve o melhor desempenho defensivo no Brasileirão 2020. Se não fosse essa mudança é certo que não teria sido campeão. Se for pra chegar no clube e fazer o óbvio que qualquer um define nas redes sociais, então pra que ter um treinador??

  • Se Renato Gaúcho mantiver fora do time: Vitinho, Renê, Gustavo Henrique e Léo Peneira, com certeza ele terá um excelente time.
    Sinceramente não queria o Renato Gaúcho no Flamengo, mas já que veio, o quê nos resta é torcer para o sucesso dele no comando do Mengão.