STJD relembra jogo de torcida única do Palmeiras em decisão a favor do Fla; Alviverde participa de ação contra liminar

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

No início da noite desta terça (14), Otávio Noronha, presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), negou o pedido de 17 clubes da Série A para derrubar a liminar que o Flamengo tem e que lhe dá o direito de contar com públicos em seus jogos nos campeonatos organizados pela CBF. Um dos argumentos do grupo, além do acordo feito no Conselho Técnico, foi a isonomia. Num trecho da decisão, o magistrado lembrou da partida de 2019, quando o Palmeiras jogou sem contar com torcedores do Rubro-Negro no Allianz, mas teve carga de ingressos no duelo disputado no Rio.


Aproveite a boa fase do Flamengo para lucrar!


A isonomia, como se sabe, deve ser analisada sob o seu aspecto material, posto que muitas são as circunstâncias que podem acabar por distinguir hipóteses.

Apenas para que se traga à lume um exemplo histórico, na 36ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A de 2019, o Flamengo foi obrigado a jogar, sem que se lhe tenha franqueado acesso de sua Torcida ao Estádio, na qualidade de Visitante, na partida em que enfrentou o Palmeiras, na cidade de São Paulo.

No primeiro turno daquela mesma competição, o Time do Palmeiras já havia visitado o Clube de Regatas do Flamengo, e utilizado normalmente sua carga de ingressos.

Sucede que por força de circunstâncias relacionadas à segurança pública, e um anunciado risco de confrontos entre torcidas, a CBF se viu na contingência de proibir o ingresso dos torcedores rubro-negros no Estádio.

Tal ato relativizou, mas não vulnerou o princípio da isonomia, posto que emprestou um tratamento, ainda que distinto, necessário, razoável e adequado, diante daquelas circunstâncias excepcionais.

Da mesma forma, a quadra histórica pela qual estamos passando, impõe a adoção de medidas excepcionais em prol da retomada paulatina e segura do público aos Estádios.”, disse Otavio Noronha.

Em 2019, após o Palmeiras conseguir uma decisão favorável do STJD para não receber os torcedores do Mais Querido no Allianz Parque, na partida do returno do Campeonato Brasileiro, nenhum clube saiu em defesa do Fla, que na ocasião, ainda recorreu para reverter o veredito, mas não obteve êxito. Cabe ressaltar que torcida no estádio é considerado como uma fator técnico, uma vantagem da agremiação. Não se falou em isonomia e o Rubro-Negro ganhou o duelo por 3 a 1, com direito a Gabigol comemorando junto a arquibancada adversária.

Agora, o Flamengo volta a campo nesta quarta (15), quando enfrenta o Grêmio, pela segunda partida das quartas de final da Copa do Brasil, no primeiro jogo, 4 a 0 para a equipe carioca, em Porto Alegre. Você pode torcer e acompanhar o duelo, que começa às 21h30 (horário de Brasília), na transmissão mais Rubro-Negra da internet, no Coluna do Fla, via Youtube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Apesar de eu ser flamenguista, acho vergonhosa essa postura de torcedor adotada pelo presidente do STJD. Esse argumento contra o Palmeiras é pífio, e o mesmo se porta como defensor exclusivo dos direitos do Flamengo. Chegou a afirmar que não derrubaria a liminar que ele mesmo concedeu, mesmo antes de ser pedido pelos outros clubes (pré-julgamento). Chegou a afirmar também que não tinha data para julgar esse pedido dos outros clubes. Ora, de que adianta julgar a liminar depois que o jogo já aconteceu??? Ou seja, se porta como um torcedor. Por isso, entendo a ira dos outros torcedores contra o Flamengo. E o pior é que o Fla não precisa disso. Tem tudo para ser campeão das 3 competições esse ano, está sobrando craque, e o treinador deu liga. É hora de jogar limpo, e ser campeão sem apelação, como em 2019.

  • o Atletico já usou, tinha torcida no jogo do River plate…. em MG, a justiça é maior que 17 clubes mimados…

  • Esse argumento não tem valor. Naquela ocasião, quem impediu a presença da torcida flamenguista foi a justiça. Salvo engano, foi o ministério público ou algo parecido lá de São Paulo. É diferente. Entendo que se a Justiça proibir, não há o que fazer. Mas o fato da justiça permitir, não quer dizer que precisa ser feito. É o caso do Atlético MG, que tem a mesma liminar do Flamengo, mas já avisou que só a usará se o Flamengo tiver torcida, para não ser prejudicado.

  • Velhacaria. Imoralidade. Dor de cotovelo. Não há outra explicação. Triste ver os dirigentes atuais submetendo instituições tradicionais a esse tipo de baixaria.
    E ainda aparece rubro-negro defendendo a tal LIGA DE CLUBES. Se o Flamengo entrar nessa só vai ganhar punhaladas nas costas. Podem anotar.

  • A posição dos 17 clubes que se opuseram à liminar é entendido facilmente, como uma manifestação de inveja e falta de competência. Entretanto, o que fica difícil de entender é a posição da mídia que, claramente, se opôs ao CR. Flamengo.
    As emissoras de tv, através de seus repórteres, se posicionaram fortemente apresentando argumentos que NÃO VÃO SUSTENTAR, depois da fala e decisão do STJD (presidente Otávio Noronha).
    Daqui a pouco vão começar os programas esportivos diários. Vamos ver se algum deles toca no assunto ou vai insistir em apoiar o argumento dos 17 clubes, contra o CR Flamengo!
    Mereciam 1 semana de desprezo dos telespectadores e caírem vertiginosamente no IBOPE.

  • A decisão de Otavio Noronha é “UM TAPA NA CARA” de quem defende a tal da “isonomia”.
    O magistrado lembrou com propriedade que “por questões de segurança”, a torcida do
    flamengo não pôde ir a campo em São Paulo, no entanto, no Rio de Janeiro, “essas mesmas
    torcidas”, foram juntas ao maracanã. E pra finalizar, lembrou que “NENHUM” dos outros
    clubes brasileiros se solidarizou com o flamengo, isonomia porra nenhuma. Depois dessa
    decisão a tal da isonomia tão postulada pelos clubes e alardeada por torcedores do próprio
    flamengo está enterrada de vez com as homenagens de praxe. Espero que depois dessa,
    a torcida entenda que a tal isonomia visa uma coisa só, prejudicar o flamengo.

  • Qual a diferença do Marcos Rocha/Palmeiras para o Isla/Fla, tomaram gols parecidos, por serem laterais pesados. O Abel do Palmeiras mostrou-se como um tecnico entrega uma partida, ao tirar o Wesley. O assunto é futebol.

  • Gente, torcedor do Mais Querido do Brasil, não se pteoculpem com a Galinha que está há 51 anos sem ser campeão brasileiro e só tem um título. Se lembram quando o Rodrigo, beque do Vasco colava nas costas do Guerreiro, que parecia que gostava daquela marcação, os beques do Flamengo verão tanta abundância no Huck do Galo que colarão em nele e fazer o Nacho se preoculpar com os 4 da frente do Flamengo.

  • Sempre que uma administração capenga, os maus gestores arranjam uma distração, uma polêmica para desviar a atenção dos desavisados. Até guerras foram iniciadas com esse propósito. É o que está acontecendo agora. Esses maus gestores ao invés de sanarem os problemas, que muitas vezes criaram, preferem espichar os olhos para o terreno alheio e procurar cabelo em ovo. Assim prejudicam o desenvolvimento da sua própria instituição e criam inimizades desnecessárias.

  • Não é a toa que o Palmeiras é um porco, só faz cagada.
    Mas, acho que o Grêmio não tem culpa no cartório, pois no jogo anterior não teve torcida. O Fla devia guardar esse cartucho contra clubes sujos como: Palmeiras, São Paulo, Sport, AtlMG e o Vasco que não está na Série A.

  • Palmeiras e Atlético, porco e galinhas respectivamente, dois timecos falidos que só estão vivos ainda pelos mecenas que colocam seus milhões dentro do clube.Eles morrem de inveja do meu Mengão pois é o único clube Brasileiro que consegue caminhar com as próprias pernas sem depender de ajudar exclusiva de milionários(sabe la de onde vem a grana).O ano que vem as torcidas vão voltar normalmente(100%) e ai a disparidade vai ainda ser infinitamente maior, Mengão rumo a 2 bilhões de receita!!!

  • Verdade, não tinha me lembrado desse episódio.
    Quando tenho que criticar vamos criticar, mas dessa vez está de parabéns STJD.

  • Cirúrgico.

  • Não é de hoje que o time que vive das esmolas da crefisa e todos os demais falidos do brasileirão hostilizam o meu FLAMENGO. Mas a nossa luta é justa e, no campo e com a bola no pé, vamos esmagar todos os nossos inimigos, até as hipócritas galinhas de Minas Gerais…