Torcida organizada emite nota sobre Rafinha e cobra respeito ao lateral: “Fez história e honrou o Manto Sagrado”

Na última quarta-feira (15), Flamengo e Grêmio se enfrentaram em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Brasil, e a torcida do Mengo retornou ao Maracanã após quase dois anos de portões fechados devido à pandemia. Em certo momento, enquanto Rafinha, ex-jogador do Fla concedia entrevista, rubro-negros entoaram gritos de xingamentos ao atleta, e a postura desagradou a Raça Rubro-Negra, que emitiu uma nota cobrando respeito ao lateral.

VEJA O COMUNICADO:

“Importante deixar registrado que, do contrário daquilo que se viu ontem no Maracanã, o G.R.M.C. Raça Rubro-Negra não compactua com hostilidades dirigidas ao atleta Rafinha.

Muito embora acreditemos que nada, tampouco ninguém, está acima do Clube de Regatas do Flamengo, também somos gratos aos que, de alguma forma, prestaram relevantes e honrosos serviços ao clube.

Assim, com retidão na postura, coerência e, sobretudo, amor ao Flamengo, seguimos nossos ideais, sem nunca, contudo, esquecer ou desrespeitar aqueles que por aqui passaram, fizeram história e honraram o Manto Sagrado”. 


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Pouco após a publicação da nota, Rafinha usou seu Instagram para se manifestar. E como forma de agradecimento à Raça Rubro-Negra pelo posicionamento, o lateral compartilhou o comunicado em seu story e escreveu “respeito, RRN”.

Rafinha ficou no Flamengo de 2019 a 2020, mas apesar do pouco tempo, foi peça fundamental para as conquistas do ‘ano mágico’ de 2019. Em toda sua trajetória com o Manto Sagrado, o lateral ergueu cinco títulos: um Brasileirão, uma Libertadores, uma Supercopa, uma Recopa Sul-Americana e um Campeonato Carioca

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Queria que saísse uma nota contra a contratação do Daniel Alves! Esse sim é debochado e só que títulos e dinheiro!!

  • EMITAM uma nota contra a contra do Daniel Alves porque esse sim não é rubro-negro e só que títulos e dinheiro!! E debochado!!!

  • Temos que respeitar o Rafinha!!! Seria bom que a torcida organizada emitisse uma nota contra a contratação do Daniel Alves!! Ele sim, não é rubro-negro e só debocha, quer títulos e dinheiro!!

  • Paixões , tudo bem, mais respeito e educação, acima de tudo, ingratidao nunca….

  • Incrível como conseguem distorcer um texto que está claríssimo. A interpretação textual é o mal do brasileiro mesmo, meu Deus do céu.
    A nota da Raça diz apenas que a organizada não compactua com desrespeitos ao Rafinha, não tá obrigando ninguém a não xingar o cara, nem dando sermão do que fazer ou deixar de fazer.
    E sim, Rafinha merece respeito, não é porque recebeu pelo trabalho que te dá o direito de sair xingando ele, ele é profissional. Saiu porque quis sim, 99% do elenco do Flamengo só está no clube por dinheiro, todo jogador é mercenário salvo algumas exceções.
    Rafinha está na história do clube, goste você ou não. Ele fez MUITO MAIS pelo Flamengo do que 90% dessa torcida ingrata e idiotizada.
    Não tenho dúvidas que essa mesma parte da torcida xingaria o Zico se fosse treinador do Flamengo e tivesse maus resultados.

  • Perfeita essa nota da torcida organizada.
    Rafinha merece todo o nosso respeito. Honrou o manto, o Clube de Regatas do Flamengo.

  • É muito complicado essa situação. A torcida vive de paixão, e o Flamengo é a nossa maior paixão. Lá atrás, houve um casamento que durou pouco. A separação foi decidida por um só, e pelo noticiado, por motivos irrisórios. Quando quis voltar, alegou problemas com nosso dirigente, que pelo noticiado, só estava lutando pelo melhor para o Flamengo. Hoje, defende outro clube, mas no jogo, fez o seu papel. Acho que a “Raça” não tem o direito de cobrar da torcida algum posicionamento, pois, como escreveu o colega João, abaixo: Sou flamengo, não torço pra jogador, e cada torcedor tem o direito de se posicionar do jeito que quiser, ou a “Raça” quer nos impor um pensamento e um sentimento? Menos, né… menos. Outra coisa; vida que segue para todos. Rafinha é passado, como foi o Romário e o Zico. Agora, eu torço pro Isla, pro Matheuzinho e pro Rodinei.

  • Acredito que o respeito é obrigatório para o ser humano! Já em relação ao profissional, cada um decide sob o seu ponto de vista. Agradeço ao Rafinha pela boa passagem e liderança, mas como ele mesmo decidiu sair e não retornou por questões salariais, o problema é dele!

  • Um profissional que foi líder de grupo, que jogou com proteção na cabeça e que honrou o manto enquanto tinha vínculo contratual não merece passar por situações constrangedoras. Vamos torcer é claro, sem desrespeitar a quem nos deu alegrias constantes.

  • Pelos comentários de alguns por aqui, até parace que esse sujeito fez algum favor à instituição Flamengo. Tem gente dizendo que ele honrou o manto e sei lá mais o quê. Bolas, ele foi pago para isso mesmo, cumprir com suas obrigações contratuais, respeitar seu ambiente de trabalho e todos que o cercaram. Agora só não tinha o direito de na impossibilidade do seu retorno, jogar pra torcida declarações levianas acusando um determinado diretor (que trabalha pelos interesses da instituição), de embarrerar seu retorno. O que a torcida fez, foi o mínimo que ele merece pra aprender a ser sujeito homem e responsável.

  • Tava no direito dele aí querer sair e o Flamengo com total direito ao não aceitar sua volta. Pra mim ele é indiferente. Sou flamengo, não torço pra jogador.

  • Se alguém critica a forma como Rafinha saiu do CRF e tentou voltar, 6 meses depois, está dentro de seu direito. Contudo, crítica tem seus limites. O que foi feito com Rafinha, foi um desrespeito indigno de um torcedor do Mengão.
    As pessoas deveriam começar a pensar no que fazem e no significado de empatia.
    Quem desrespeita, uma hora vai ser desrespeitado.

  • Que nada, respeito a mercenário é meu ov**… Esse merece ser vaiado mesmo, hoje é adversário, encheu o sac** o jogo inteiro e foi muito bem pago para desempenhar o papel que teve enquanto jogador do Flamengo.

  • Eu acho isso insano. Nunca vi tanta mobilização por um jogador que mal passou um ano no clube e saiu por dinheiro. Inclusive quero perguntar uma coisa. Porque defendem tanto o Rafinha enquanto tratam tão mal o Renato Augusto? Renato voltou à Seleção e ganhou um brasileiro no Corinthians, porque eles ofereciam o que o Flamengo não podia na época: teto salarial do país na e time forte pra conquistar títulos. Enquanto o Rafinha tinha tudo no Flamengo e saiu por dinheiro pra jogar no inexpressivo futebol grego. Aí o Renato é traíra, mercenário e o escambau, mas o Rafinha é ídolo, pode nem vaiar depois que ele dá um rapa no Michael. Sério mesmo? Hipocrisia do car****.

  • Pela saco este cara, vazou por dinheiro e quebrou a cara, chato pra bebéu quando joga contra o Flamengo. Tem que usar o direito sagrado de VAIAR mesmo quando e quem quiser. Desde quando sites e torcidas organizadas tem o monopólio de quando e quem pode ser vaiado? Este dai vaiaria toda vez que cruzasse meu caminho.

  • É isso mesmo, Rafinha sempre honrou a camisa, era um grande líder no grupo, merece todo respeito… Aqueles que vaiaram ontem são esses torcedor Nutella que vivem de onda e oba-oba…

  • N gostei da torcida ter feito aquilo com Rafinha, tá na história… Ele escolheu o destino dele, e mostrou que foi errado, pelo menos esportivamente falando. Poderia ter se tornado ídolo no flamengo, escolheu a grana. Vida que segue, estaremos cara ano mais forte.