Atlético-MG vence Cuiabá e abre 13 pontos de vantagem sobre o Flamengo no Brasileirão

FOTO: PEDRO SOUZA/ATLÉTICO-MG

O final de semana foi péssimo para o Flamengo. Isso porque o time comandado por Renato Gaúcho perdeu para o Fluminense por 3 a 1, no sábado (23), e viu o Atlético-MG vencer o Cuiabá neste domingo (24). Com isso, a vantagem da equipe mineira que era de 10 passou para 13 pontos.

Como se não bastasse, o Flamengo ainda teve outro problema: foi ultrapassado pelo Fortaleza e não está mais na vice-liderança da competição. O time cearense venceu o Athletico-PR por 3 a 0, também no sábado (23), e chegou aos 48 pontos, dois a mais do que o Fla. Vale destacar, contudo, que o Rubro-Negro tem dois jogos atrasados nesta edição do torneio.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Atrás de diminuir a diferença, o próximo adversário do Flamengo no Brasileiro será justamente o Atlético-MG. As equipes se enfrentam no próximo sábado (30), às 19h (horário de Brasília), no Maracanã. Para o confronto, a expectativa é que o técnico Renato Gaúcho tenha a volta de peças importantes no elenco, como Arrascaeta, Bruno Henrique e David Luiz, todos lesionados.

Antes, porém, o Mengo se concentra na Copa do Brasil. O time carioca vai enfrentar o Athletico-PR, nesta quarta (27), pelo jogo de volta da semifinal da competição. O primeiro duelo terminou empatado em 2 a 2 e, com isso, o Mengo precisa de uma vitória simples para avançar à decisão. Atlético-MG e Fortaleza batalham pela outra vaga.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O Flamengo é grande, tem elenco e condições de ficar campeao das 3 competições, só faltou contratar um técnico a sua altura, foram contratar um cara que está dando desculpas e já está tentando justificar apenas 1. Título. Porque jogou o brasileirão fora, provavelmente não conseguirá a copa do Brasil e irá ganhar a libertadores apertadíssimo de um Palmeiras morto. Esse cara está de brincadeira com a torcida, que vai para o estádio ver time reserva jogar, que paga sócio torcedor pra ser enganado, se liga torcida do Flamengo, somos nós que somos os donos do Flamengo, se jogar com o time reserva é só a torcida não ir ao estádio.

  • Era isso que o Renato queria. Como a vantagem do Atlético mineiro na liderança se ampliou, agora ele pode colocar seus amigos da turma da panela, como o Renê, para entregar os jogos no Brasileirão que restam para o Mengão e ficar no suco esperando a final da Libertadores. O Flamengo é grande demais para o Renato treinador. Ele é técnico para treinar os refugos de outras equipes em clubes sem dinheiro, como o Grêmio. Ele desconhece tática de futebol e não estuda os adversários. A diretoria errou feio ao contratá-lo.