Dedé relembra tempos de Cruzeiro e se derrete por Arrascaeta: “É um fenômeno”

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Desde que chegou ao Brasil, Arrascaeta chama atenção e encanta pelo futebol apresentado. Antes de se tornar peça chave no elenco do Flamengo, o uruguaio atuou no Cruzeiro e foi nesta época que ganhou destaque nacional, chamando atenção do Rubro-Negro, que conseguiu a contratação em 2019. Dedé, ex-companheiro do meia no clube de Minas, rasgou elogios ao camisa 14 do Fla.

Em participação no Charla Podcast, o zagueiro, que está sem clube, relembrou os tempos de Cruzeiro e a chegada de Arrascaeta no futebol brasileiro. Dedé, inclusive, comentou o jeito ‘tímido’ do meia logo no início e abriu o jogo sobre algumas dicas ao uruguaio durante os treinamentos: “O Arrascaeta é um fenômeno. Eu chamava ele de ‘sem expressão’, você não sabe se ele está rindo, feliz ou triste. O jogo está rolando e do nada ele faz um lance absurdo. Outra virtude é que ele marca (…) Eu sabia que ele daria certo”.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Vestindo o Manto Sagrado desde 2019, Arrascaeta chegou ao Flamengo após uma incansável negociação com o Cruzeiro. A novela durou meses e o Rubro-Negro, na época, pagou cerca de 15 milhões de euros, ou seja, R$ 63,7 milhões na cotação da ocasião, por 75% dos direitos econômicos do atleta. O contrato do camisa 14 é o mesmo em vigor até os dias de hoje, válido até dezembro de 2023.

Sem Arrascaeta, que ainda se recupera de lesão, o Flamengo se prepara para encarar o Athletico-PR, na quarta-feira (27), às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã. Como não há gol fora de casa como critério de desempate, o Rubro-Negro carioca precisa de uma vitória simples para se classificar à final da Copa do Brasil, visto que o primeiro duelo terminou em 2 a 2, na Arena da Baixada.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Arrasca é um deboche, o futebol dele…