Gabigol lamenta eliminação, pede apoio da torcida e fala sobre futuro de Renato no Flamengo

FOTO: REPRODUÇÃO/ TV GLOBO

O Flamengo foi atropelado pelo Athletico-PR nesta quarta-feira (27), no Maracanã, perdeu por 3 a 0 e foi eliminado da Copa do Brasil. Após o vexame do time, Gabigol pediu a palavra e concedeu entrevista à beira do gramado. O camisa 9 lamentou bastante a eliminação, pediu apoio da torcida e falou sobre a continuidade do trabalho de Renato no clube.

– É complicado, é difícil. Entendo a revolta da torcida. Mas esse time aqui já foi campeão de muitas coisas. Então, a gente tem que saber perder e saber ganhar. Claro que no Flamengo a gente quer ganhar, ganhar e ganhar. Esse time já mostrou isso. Não fomos felizes. Perdemos um jogo dentro de casa, por 3 a 0, então, realmente é decepcionante.

–  Mas esse grupo pode dar a volta por cima. Temos que ter calma. Tem o Brasileiro pela frente e uma final de Libertadores. Esse grupo já mostrou que pode dar a volta por cima, e eu acho que a torcida tem que nos apoiar.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


Perguntado se Renato deveria continuar no comando técnico do Flamengo, Gabigol surpreendeu na resposta e apenas delegou a responsabilidade para a diretoria rubro-negra. O atacante voltou a pregar foco nas competições que restaram e a lamentar o revés.

– Isso é com a diretoria, a gente tem que continuar nos dedicando, não por uma derrota que a gente vai jogar tudo ara o alto, Eu entendo a torcida, a gente está triste, é muito decepcionante. Mas temos que ter calma, não agir com a emoção.

Agora, o Flamengo vira a chave e se concentra no Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso será contra o Atlético-MG, no Maracanã. O duelo será disputado neste sábado (30), às 19h (horário de Brasília). O Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, com a voz de Rafa Penido.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Nem os jogadores acreditam mais nessa farsa chamada Renato Gaúcho. Time mal treinado, mal posicionado, sem jogadas no ataque e sem recomposição na defesa. Ficou fácil jogar contra o Flamengo. É só se fechar atrás e esperar por uma jogada, porque sabem que esse time não consegue se defender, aí toma um gol e ninguém mais sabe o que fazer. Nesse ritmo, mais um ano perdido.

  • Concordo, Michael foi o melhor atacante do flamengo e isso não é de hoje, o problema é
    peito pra tirar um medalhão, duvido, apenas a guisa de esclarecimento, já assisti várias
    partidas que Michael entrou no lugar do ER7 e foi muito bem pela direita, inclusive, na
    recomposição da defesa, mas, ai eu pergunto, ele vai barrar o capitão e um dos líderes.

  • Infelizmente não deu para o Mengão, mas não podemos desmerecer o Atlético, pois o Goleiro deles defendeu muito.
    Michel é um jogador que muda a partida.
    Leo Peneira não tem condição nenhuma de ser titular. RG poderia dar oportunidade ao Noga, enquanto não volta David Luiz.
    Não consigo entender um técnico olhar para o banco e chamar o Vitinho para fazer alguma coisa.
    Contar com Vitinho é uma piada de péssimo gosto.

  • Esse lixo perde um monte de gol e… fica se fazendo de vítima ….da vontade de quebrar os dentes dele com uma marreta