Se vencer o Athletico, Flamengo garantirá ao menos R$ 56 milhões em premiações na temporada; valor ainda pode dobrar

FOTO: DIVULGAÇÃO/ FLAMENGO

Logo mais, às 21h30 (horário de Brasília), o Flamengo vai enfrentar o Athletico para disputar uma das vagas para a final da Copa do Brasil. Caso o Mengo vença o confronto e carimbe o passaporte rumo à decisão, ficará garantido cerca de R$ 56 milhões em premiações.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


A Copa do Brasil é a competição nacional de maior premiação, e caso o Flamengo garanta uma vaga na final, R$ 23 milhões já caem na conta. Por estar classificado também para a decisão da Copa Libertadores, o Mengo embolsa mais R$ 33,4 milhões, que resulta no montante mínimo; entenda:

Premiação mínima
US$ 6 milhões/ R$33,4 milhões (vice da Libertadores) + R$23 milhões (vice da Copa do Brasil) = R$ 56,4 mi

2ª menor
Campeão Copa do Brasil e Vice da Libertadores = R$ 89,4 mi

2ª maior
Campeão liberta e vice Copa do Brasil = R$ 106,5 mi

Premiação máxima
US$ 15 milhões/R$83,5 milhões (campeão da Libertadores) + 56 milhões (campeão da Copa do Brasil) = R$ 139,5 mi

Em busca do tetracampeonato da Copa do Brasil, o Flamengo tem mais um grande desafio nesta quarta-feira (27): o jogo contra o Athletico. O duelo terminou empatado em 2 a 2 e está tudo aberto na decisão, visto que a competição não tem gol fora de casa como critério de desempate. Para garantir a classificação, o Mengo vai tentar aproveitar a união de sucesso entre Maracanã + Nação.

A bola vai rolar para Flamengo e Athletico às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã, e a previsão é de casa cheia. O ganhador do duelo garante uma das vagas na final e enfrenta o vencedor de Atlético-MG e Fortaleza. O time mineiro tem boa vantagem contra os nordestinos, visto que anotou um 4 a 0 no primeiro confronto.

A princípio, os dois jogos da decisão da Copa do Brasil estão marcados para os dias 08 e 12 de dezembro. No entanto, por causa da disputa do Campeonato Brasileiro e o calendário apertado entre as competições, a CBF estuda possíveis mudanças nas datas.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *