Árbitro pede desculpas a Diego por erro em súmula 

Diego foi expulso diante do Vasco, em 2018, questionou o que foi relatado em súmula e acionou Justiça comum


O árbitro Luiz Flávio de Oliveira pediu desculpas ao jogador Diego Ribas, do Flamengo, por ter relatado na súmula de uma partida contra o Vasco, em 2018, que o expulsou após ter sido xingado. O pedido ocorreu depois do camisa 10 rubro-negro ter processado, na justiça comum, por difamação e falsidade ideológica ao “mentir na súmula de um jogo”. As informações são do colunista Ancelmo Gois, do O’Globo. 

De acordo com o colunista, as desculpas ocorreram em audiência recente no 9º Juizado Especial Criminal do TJ do Rio, quando o caso se deu por encerrado.


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


– A parte Luiz Flávio de Oliveira lamenta e se desculpa pelos fatos ocorridos que geraram os presentes autos; a expressão tida como ofensiva relatada na súmula no momento da partida em que ensejaram a expulsão não foram proferidas pelo atleta. Mas, pelo momento conturbado da partida acabei me equivocando sobre quem teria proferido tal expressão -, cita um trecho do relatório da audiência, ainda conforme o colunista.

Com a retratação do juiz, a defesa do meia do Flamengo decidiu não seguir com a ação e, nos próximos dias, o acordo deve ser homologado pela Justiça.

Como mencionado, o caso ocorreu em um clássico entre Flamengo e Vasco, realizado em 2018, em Brasília. O jogo foi válido pelo Brasileirão. Naquela oportunidade, Diego foi expulso por Luiz Flávio após confusão de jogadores rubro-negros e cruzmaltinos aos 12 minutos do segundo tempo.

Vale destacar, ainda, que depois do ocorrido, Diego se manifestou nas redes sociais. O jogador escreveu que em momento algum proferiu as palavras citadas pelo árbitro, publicadas na súmula.

CONFIRA A REAÇÃO DO CRAQUE APÓS O JOGO

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Boa Diego! Quem que mostrar para essa cambada de antis que aqui se faz, aqui se paga! Se o Flamengo não seguir o seu exemplo e não botar na justiça a arbitragem por estas últimas partidas em que foi garfado, vai ficar por isso mesmo e vai acontecer de novo!

  • A dignidade não tem preço.
    Parabéns Diego!