“Nada justifica a presença dele”: Sormani afirma que ‘medalhão’ do Flamengo é superestimado

FOTO: REPRODUÇÃO / ESPN

No último sábado (30), o Flamengo venceu o Atlético-MG, líder do Brasileirão, por 1 a 0, no Maracanã. O resultado manteve o Mengo na caça ao rival e vivo na luta pelo título nacional. Apesar dos desfalques, o Mais Querido contou com o setor ofensivo praticamente completo. Um deles foi Everton Ribeiro, que usou a braçadeira de capitão e foi substituído já no final da partida. O jogador, entretanto, foi criticado por Fábio Sormani, jornalista da ESPN, que afirmou que o camisa 7 do Rubro-Negro é “superestimado”.

Acho um bom jogador, não é nível seleção brasileira como pensa o Tite. Acho o exemplo mais bem acabado daquela pessoa que está no lugar certo na hora certa. Tem quatro títulos brasileiros. É jogador desse calibre? Não é. Foi muito importante naquele Cruzeiro. Na minha opinião é superestimado, é bom jogador, mas o Arrascaeta é muito mais jogador —, disse, antes de completar:


Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!


Neste momento, o Michael também é muito mais jogador que o Everton Ribeiro, faz gol, quebra linhas e desequilibra o sistema defensivo adversário, coisa que o Everton não faz. Se você tirar ele do time até o final do campeonato, tem muito torcedor que não vai nem perceber que saiu do time — garantiu.

No Mais Querido desde 2017, Everton Ribeiro soma 258 jogos vestindo o Manto Sagrado, com 35 gols e 43 assistências no total. Apesar do atleta ser um dos mais antigos no clube e ídolo da torcida, o jornalista não o vê no time titular do Flamengo.

Meu time seria Arão, Andreas Pereira, Michael, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. Tiro o Everton. Nada justifica a presença dele em campo. É muito pouco. O histórico dele na temporada: têm dois gols e oito assistências, 10 participações em gol. Quantos jogos o Flamengo fez na temporada? É muito pouco. O cara que joga no meio tem que ajudar na marcação, criação, mas ele tem que chegar e ser decisivo, como é Arrascaeta, como é Michael — finalizou.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Tá falando merda. E foda ter que ouvir tanta besteira. Vou parar de ler esta coluna.

  • Essa filosofia de deixar o jogo correr os árbitros tem carta branca para marcar uma falta ou não. Dificilmente marcam faltas quando o jogador é trombado. Isso aconteceu no jogo do Flamengo e Atlético do PR no maracanã, Diegos Ribas foi trombado perdeu a bola que deu origem ao pênalti para o Atlético. Bruno Henrique foi empurrado por trás dentro da área e pelo modo que caiu foi com força. Nenhum dos dois lances o juiz chamou o VAR.

  • Assisti os comentaristas da ESPN falarem de defesa boa e defesa ruim. Não sabem que todo time que joga fechado na defesa passa ter a defesa chamada de boa e todo time que joga no ataque procurando o gol passa a ter a defesa chamada de ruim, isso porque com o time avançado os defensores ficam exposto aos contra ataques e bolas longas. Correr para trás é complicado,, quem já jogou futebol sabe.
    Poucos comentarista conhecem os os fundamento do futebol

  • Nélio, lembro-me de algumas pesquisas sobre o tal 3o. passe (aquele que deixa os jogadores de frente em condições de dar assistência e criar jogadas para gol), no qual o Éverton se destacava bastante mesmo sem aparecer para o time. Mas quem se importa?

  • Quando o Éverton voltar com boas atuações e encantar a todos, quero ver o que esse babaca vai falar…

  • Para o Sormani, jogador bom é o que faz gol. Neste caso deveria tirar o Gabigol que é o maior medalhão do Flamengo, há nove jogos não faz gol, pior ainda. vem jogando muito mal, tem sido um fósforo apagado em campo. Quanto ao Everton Ribeiro que também não vem bem, mas no Jogo contra o Atlético Mineiro teve um papel importantíssimo, lutou muito ajudando a defesa e o ataque.

  • Nessa concordo com o Sormani, ER7 é jogador de jogo pequeno, em jogo grade se esconde

  • Esse Sormani é flamenguista. Não é possível. Quando ele crítica um jogador do Flamengo ele começa a jogar muito. Everton Ribeiro vai voltar a ser decisivo hoje.

  • Existem muitas formas da verdade ser indicada.
    Acho que o Sr. Sormani tem razão…toda razão. Entretanto, Não existir razão para Éverton entrar como titular do time, não tão absoluto como parece.
    O nosso camisa 7, de fato, não vive seus melhores momentos. Já foi, indiscutivelmente, o melhor do Brasil, no bicampeonato do Cruzeiro e, antes de ir para o time mineiro, foi o melhor do brasileiro, sem premiação, jogando pelo Coritiba.
    Éverton, tem muita experiência e seus passes são valiosos (infelizmente tem errado muito este fundamento). Também oferece mais marcação do que Michael, apesar da idade.
    A opção deve ficar sempre com Renato.Talvez o levantamento de performance em 5 jogos, possa ajudar o Renato a definir a titularidade entre Michael ou Andres, e Éverton.

  • Concordo com Renato EPJ, hoje meu time do meio pra frente seria exatamente aquele
    escalado pelo Sormani, e tem mais, é uma falta total de visão, sacar do time o melhor
    atacante(Michael), pra continuar insistindo com ER7, que não vem no melhor da sua forma e
    não é de hoje. O lado direito do flamengo(Gabigol e ER7), está devendo, deixar Michael de
    fora é uma temeridade.

  • Meu Deus, essa coluna do Flamengo até parece coluna do Sormani. Até quando vocês vão continuar dando espaço para um oportunista que só crítica o Flamengo para se promover? Já deu. Chega.

  • Infelizmente eu tenho que concordar com ele. O ER é superestimado e o Michael é mais importante e efetivo que ele, e merece ser titular hoje.

  • Sormani defendendo o Arrasca?
    Vai tomar no C Sormani!