“É difícil dizer não ao maior clube do mundo”: jornal revela detalhes da rescisão de Paulo Sousa com a Polônia

Treinador tentou a liberação em comum acordo com a Federação Polonesa após já estar acordado com o Flamengo

Após a novela para contratação do técnico, o Flamengo acertou com Paulo Sousa. O vínculo será assinado por dois anos, no entanto, antes de oficializar, o treinador precisa rescindir com a Seleção da Polônia. O presidente da federação polonesa, Cezary Kulesza, abriu o jogo sobre a conversa com o técnico, que justificou a escolha pelo Mais Querido.

Saiba como se dar bem duplamente com vitórias do Flamengo!

Paulo Sousa, inicialmente, tentou a liberação da Seleção em comum acordo. No entanto, o presidente não topou, ou seja, o técnico precisará pagar a multa rescisória, avaliada em R$ 2 milhões. E, segundo a imprensa polonesa, a justificativa do treinador para a saída trata o Flamengo como ‘o maior clube do mundo’.

“Gostaria de ser dispensado do contrato. Acho que é o melhor momento. Eu fui escolhido pelo antigo presidente da federação. Já rejeitei muitas ofertas antes, mas é difícil dizer não ao maior clube do mundo”, teria dito Paulo Sousa em reunião com o presidente da federação polonesa.

 

Cabe destacar, inclusive, que a Seleção da Polônia convocou uma reunião em caráter extraordinário para esta terça-feira (28). A tendência é que a saída de Paulo Sousa seja o principal tema abordado, além da decisão do nome do novo técnico.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • O primeiro requisito para ser treinador do CR Flamengo é respeitar a história do Mais Querido. Isso o Paulo Sousa demonstrou de sobra com seu esforço para vir treinar o Mengão, por isso é dever dos verdadeiros rubros-negros apoiá-lo. Ele não fez como o JJ, que quis usar o Mengão para se reerguer na carreira profissional e na primeira oportunidade deixou o clube na mão.