Técnico do Sub-20, Fábio Matias comenta ‘pressão’ da torcida do Flamengo: “Faz parte do processo”

Além dos altos investimentos na equipe principal, o Flamengo adquiriu a postura de olhar com carinho para a base. Não à toa, realizou a contratação do técnico Fábio Matias, um dos principais nomes da categoria no cenário nacional. O treinador estava no Internacional e trocou o Sul pelo Rio de Janeiro. Logo no primeiro momento, sentiu o impacto da torcida.

O Coluna do Fla bateu um papo com o Fábio Matias, que está no comando do Sub-20 do Flamengo desde julho de 2021. O técnico reconheceu o tamanho da torcida rubro-negra e destacou a visibilidade como a principal diferença do Mais Querido para os demais clubes brasileiros.

— Acredito muito que isso (pressão da torcida) faz parte do processo de um clube do tamanho do Flamengo. Você ter essa visibilidade, a leitura dessa construção que a imprensa tem, que as torcidas têm, que as pessoas têm, essa visão de enxergar o Flamengo e os atletas do Flamengo com potenciais a nível de Seleção Brasileira, atletas que daqui a pouco, quando chegar na idade mais velha possam estar na Seleção Brasileira principal também. Então, acho que esse é um dos pontos que faz o Flamengo ser diferente em termos de base, em termos de estrutura e em termos de condições também que se dá aos profissionais aqui. É um desafio, mas esses desafios acho que dentro da nossa carreira como treinador eles são pertinentes – antes de continuar:


Camisas do Flamengo, acessórios e muito mais: compre e ganhe brindes na melhor loja online do Mengão!


— Eu tive a oportunidade de ficar praticamente sete anos no Rio Grande do Sul, pra quem não sabe, eu não sou gaúcho, todo mundo acha que eu sou gaúcho (risos). Mas são questões culturais. O Internacional foi um clube que me propagou pro cenário a nível nacional do futebol, pela questão da estrutura e das condições que o clube também tem. Mas a partir do momento que você vem pro centro do país, e quando você vai ao Nordeste, quando você ao Centro-Sul, quando você viaja, você vê o apelo e a importância que o Flamengo tem a nível nacional, em termos de torcida. Foi o que aconteceu agora no Brasileiro, em todos os lugares que a gente pisava, você via muitos torcedores do Flamengo. Era aquela criança, aquela família que estava dentro do elevador, e você olhava pro menininho lá em Fortaleza e ele com a camisa do Flamengo. Então, isso mostra o tamanho e a importância de estar à frente do sub-20 do Flamengo – finalizou.

Além disso, em outros pontos do bate-papo com o Coluna do Fla, Fábio falou sobre o maior desafio à frente do Flamengo, destacou a estrutura do Rubro-Negro como uma referência mundial e, por fim, projetou o futuro e admitiu o sonho de se tornar técnico de um time profissional.

CONFIRA O VÍDEO:

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *