Técnico do Sub-20, Fábio Matias comenta sobre chegada ao Fla e exalta Rubro-Negro: “Maior clube a nível nacional” 

Ex-Internacional, o treinador chegou ao Mengo em julho deste ano, para substituir Maurício Souza


O Flamengo é um dos clubes que mais investem nas categorias de base e tem um retorno diretamente proporcional, visto que conquista uma série de títulos. Um dos grupos que contribuem com as glórias do Mengo é o Sub-20, atualmente comandado por Fábio Matias. Em entrevista exclusiva ao Coluna do Fla, o treinador comentou sobre a escolha de trabalhar no Mais Querido depois de boa passagem no Internacional.

– Acho que todo profissional ele tem que entender o tempo dele em cada lugar. Eu acho que isso é uma das coisas que a gente tem que interpretar. Como eu falei, sou muito grato ao Internacional, é um clube que me acolheu, acolheu minha família durante todo esse período. Mas na parte profissional, a gente também tem que entender as questões de processo, os tempos de cada trabalho eles têm término. E quando surgiu essa oportunidade do Flamengo, era algo que eu não esperava, confesso pra você. Veio a mim essa questão: eu vou trabalhar, teoricamente, hoje, no maior clube a nível nacional, em termos de representatividade, que o Flamengo tem.

Fabio Matias chegou ao Flamengo em julho de 2021, para comandar o Sub-20. O profissional ganhou nome no cenário após conquistar a Copa São Paulo de Futebol Júnior, conhecida popularmente como Copinha com o Internacional, em 2020. Com isso, o Mengo ficou de olho no treinador e fechou com ele para substituir Maurício Souza no sub-20, que foi escolhido para integrar a comissão técnica dos profissionais e, hoje, está como interino no elenco profissional.

No entanto, à frente do Fla, Fábio Matias ainda não comemorou nenhum título. Isso porque, nesta temporada, o Mengo perdeu a final do Campeonato Carioca, para o Fluminense, e foi eliminado no Brasileirão da categoria, pelo São Paulo. Apesar de não levantar nenhum caneco, o Mengo segue projetando bons nomes para o cenário esportivo nos próximos anos.

 

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *