Supercopa do Brasil não será em Brasília, afirma presidente da Federação do Distrito Federal

Compartilhe com os amigos

Mandatário revelou que a CBF e os clubes pretendem levar a competição para um local que possa ter presença do público

Apesar do 2021 traumático, o Flamengo conquistou o direito de disputar mais uma edição da Supercopa do Brasil contra o Atlético Mineiro, campeão brasileiro e da Copa do Brasil. Após a partida ter sido confirmada no Mané Garrincha, em Brasília, o presidente da Federação de Futebol do Distrito Federal, Daniel Vasconcelos, afirmou que o duelo não acontecerá mais na capital brasileira.

A Supercopa estava marcada para Brasília e já não vai ser mais aqui. Não sei para onde vai, não decidiram ainda, porque tem a questão do público. É um jogo, na verdade, festivo. Acho que a CBF e os clubes querem jogar onde está liberado o público. É uma pena a gente não ter esse jogo aqui -, disse, em entrevista ao ‘Tá na Rede’.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


A mudança de local, cabe ressaltar, foi devido ao aumento no número de casos de Covid-19. Em meio a isso, o Governo do Distrito Federal decidiu proibir a presença de público nos estádios e, por este motivo, a CBF, assim como os clubes envolvidos na realização da partida, desejam transferir o duelo para outro ‘palco’.

A partida entre Atlético-MG x Flamengo está prevista para o dia 20 de fevereiro, no domingo, ainda sem horário confirmado. Bicampeão do torneio, o Flamengo vai tentar superar o time mineiro para conquistar o tricampeonato da competição, visto que defende os títulos conquistados em 2020 e 2021.

Compartilhe com os amigos

Veja também