Goleiro Santos e Ayrton Lucas reconhecem importância da ‘Geração 85’ para o Flamengo: “Vitoriosos”

Reforços fazem parte da reformulação do elenco, e atletas ‘cascudos’ estão perdendo espaço com Paulo Sousa

Não é segredo para ninguém o fato de os dirigentes do Flamengo estarem, aos poucos, reformulando o elenco. Isso porque, no entendimento da diretoria, o ciclo de alguns atletas terminou. É o caso da Geração 85‘, formada por Diego Alves, Filipe Luís e Diego Ribas. Questionados sobre o assunto, Ayrton Lucas e Santos, recém-contratados, fugiram de polêmica.

Diego Alves e Diego Ribas, por exemplo, pouco atuaram em 2022 com Paulo Sousa. Os jogadores, inclusive, não escondem o descontentamento com a situação. Ayrton Lucas, por sua vez, elogiou os atletas e reconheceu o quanto marcaram história no clube, além de elogiar Filipe Luís, que, para muitos, virará reserva quando Pablo estiver 100% para atuar.


Quer comprar produtos do Flamengo pela internet? Conheça a loja mais rápida e segura!


São dois jogadores vitoriosos aqui, por toda a história. A gente respeita e quer aprender com eles. Estou focado em me adaptar e ajudar meus companheiros. O que acontecer na frente, estamos aqui para trabalhar e construir a nossa própria história. O Filipe dispensa comentários, muito expediente e espero aprender muito com ele -, disse Ayrton.

Santos, por outro lado, direcionou o tema a Diego Alves, que atualmente é a terceira opção de Paulo Sousa, atrás de Hugo Souza: “O Diego é um cara vitorioso, por onde quer que ele passou. O Hugo também é um excelente goleiro, a gente acompanha. Chego aqui para ajudar, meu maior objetivo é esse. Temos que estar preparados para tudo“, ponderou.

A estratégia de Paulo Sousa, de afastar alguns atletas cascudos, gerou desconforto nos jogadores mais consolidados, que perderam espaço e não escondem insatisfação com o técnico. Em compensação, garotos das categorias de base, como o próprio Hugo Souza, o lateral Matheuzinho e volante João Gomes, além do atacante Lázaro, buscam se garantir na titularidade. No meio disso, o treinador tenta vencer o Atlético-GO às 19h (horário de Brasília) deste sábado (09), pela primeira rodada do Brasileirão. O confronto será disputado no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia.

Veja também