Torcida do Flamengo leva caixões de papelão para Arão, Diego Ribas e Diego Alves em protesto no Ninho

Jogadores e comissão técnica encontraram clima hostil na entrada do CT nesta sexta (08)


O clima é de tensão no Ninho do Urubu nesta sexta-feira (08), em meio aos protestos da torcida do Flamengo. Quase todos os jogadores sofreram cobranças dos rubro-negros presentes no local, mas Arão, Diego Alves e Diego Ribas foram os principais alvos da Raça Rubro-Negra, maior organizada do Mengo. O perfil oficial da agremiação compartilhou foto na qual mostra caixões de papelão feitos para cada um do trio, que foram levados ao CT.

Além dos caixões para algumas das lideranças do elenco, a Raça Rubro-Negra estendeu uma faixa em protesto à postura dos jogadores, com a seguinte frase: “Honrem o manto, 2019 já passou. Respeitem a Nação”.


Quer comprar produtos do Flamengo pela internet? Conheça a loja mais rápida e segura!


VEJA IMAGENS:


Foto: divulgação/Raça Rubro-Negra

Foto: divulgação/Raça Rubro-Negra

Em meio aos protestos, o elenco do Flamengo segue a preparação para a estreia do Brasileirão, contra o Atlético-GO, neste sábado (09). A delegação rubro-negra, inclusive, vai sair do Ninho direto até o aeroporto para embarcar rumo à Goiânia. A ideia da torcida, por isso, é permanecer no CT até o término das atividades desta sexta (08) no CT.

Pressionado por resultado e desempenho, o Flamengo entra em campo às 19h (horário de Brasília), deste sábado (09), no Estádio Antônio Accioly. O jogo terá exibição do Premiere FC, em pay-per-view, mas o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, via YouTube.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *