Diego Alves vê ‘recomeço’ na temporada pelo Flamengo com chegada de Dorival Júnior

Goleiro totaliza seis jogos vestindo o Manto Sagrado em 2022


Por: Nathalia Coelho

Na última quarta-feira (22), o Flamengo foi derrotado pelo Atlético-MG, por 2 a 1, em jogo válido pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Titular no embate, Diego Alves chegou à sexta partida pelo Rubro-Negro na temporada de 2022. O curioso é que, destas, quatro foram após a chegada de Dorival Júnior.

Diego Alves não atuava pelo Fla desde o dia 27 de fevereiro, quando o Mais Querido empatou com o Resende por 2 a 2, pelo Campeonato Carioca. Depois, entre lesão e falta de confiança do até então treinador Paulo Sousa, o arqueiro acabou perdendo a vaga no time titular. O camisa 1 só voltou a entrar em campo entre os 11 iniciais no primeiro compromisso de Dorival Júnior a frente do time.

Sendo assim, a volta de Diego Alves ao time titular do Flamengo aconteceu no jogo contra o Internacional, pela 11ª rodada do Brasileirão. De lá para cá, o goleiro foi acionado por Dorival Júnior em todas as partidas seguintes, diante do Cuiabá e nos dois embates com o Atlético-MG.


Ganhe dinheiro com vitórias do Flamengo!


O camisa 1 totaliza, até o momento, 540 minutos em campo pelo Mais Querido em 2022. Com o goleiro na meta em seis jogos na somatória, o Flamengo obteve duas vitórias, um empate e três derrotas. Já nos quatro duelos com Dorival na beira do gramado, Diego Alves atuou em quatro oportunidades das quais venceu em uma e perdeu as outras três.

Agora, a tendência é que o goleiro siga entre os titulares do Flamengo neste sábado (25), quando o time recebe o América-MG, no Maracanã. O jogo, válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, acontecerá a partir das 19h (horário de Brasília), com transmissão do Premiere, no pay-per-view. A partida ainda contará com a narração pé-quente do Coluna do Fla, no YouTube, na voz de Rafa Penido.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Diego Alves desde 2020 é o pior goleiro do país nas seres A e B.

  • Diego Alves desde 2020 é o pior goleiro do país nas seres A e B.

  • Se o Flamengo fosse um clube verdadeiramente profissional, o Diego Alves já teria sido dispensado.