Anderson Daronco sai em defesa da arbitragem brasileira: “É excelente”

Juiz esteve envolvido em polêmicas em jogos do Campeonato Brasileiro


A atuação da arbitragem brasileira tem sido motivo de muitas reclamações por parte dos clubes do Brasil. Inclusive, mesmo com o uso do VAR, times seguem sendo prejudicados com erros. Entre eles está o Flamengo, que teve quatro erros não corrigidos pelo árbitro de vídeo, sendo o líder desse ranking publicado pelo ex-juiz Fifa Sandro Meira Ricci. No entanto, apesar das críticas, Anderson Daronco saiu em defesa dos colegas de trabalho.

“A arbitragem brasileira é excelente”, disse o árbitro em entrevista ao programa Esporte Espetacular, da TV Globo, que será exibido neste domingo (07).

Daronco, inclusive, esteve envolvido em uma polêmica com Hulk, do Atlético-MG. O atacante afirmou ter sido ‘ameaçado’ pelo árbitro após reclamar da não marcação de um pênalti. Por conta do episódio, o clube mineiro denunciou o juiz no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) relatando irregularidades na atuação do profissional durante a partida contra o São Paulo.


Saiba como ganhar dinheiro com jogos de futebol!



Além de Anderson Daronco, o árbitro Luiz Flávio de Oliveira é outro envolvido em polêmicas. A atuação do juíz no duelo entre Flamengo e Athletico-PR, pela Copa do Brasil, no último dia 27 de julho, não agradou em nada os dirigentes do Mais Querido. Vale lembrar que o profissional é o mesmo que expulsou Diego Ribas em 2018 e mentiu na súmula, alegando ter sido xingado pelo camisa 10. O meio-campista do Fla entrou na justiça, e o paulista teve que pedir desculpas públicas, admitindo ter inventado tal situação.

A fim de diminuir os erros, o presidente da comissão de arbitragem, Wilson Seneme garantiu melhorias nos processos ligados à pasta durante reunião realizada no último dia 26 de julho. Algumas das promessas feitas pelo representante foram: um prazo mais organizado para a divulgação de áudios e vídeos das mais importantes revisões do árbitro de vídeo (VAR). O prazo de publicação do material, segundo o mandatário, vai variar de 24 horas após a partida para os clubes da Série A, até 48 horas, no caso dos clubes da Série B do Brasileirão.

Agora, o Flamengo volta a reencontrar a arbitragem neste sábado (06). O Mais Querido encara o São Paulo, pela 21ª rodada da competição, às 20h30 (horário de Brasília), no Morumbi. O jogo será comandado por Ramon Abatti Abel (SC), auxiliares Kleber Lúcio Gil (SC) e Alex dos Santos (SC), o quarto árbitro será Salim Fende Chavez (SP). No VAR, para juiz principal está escalado Adriano Milczvski (PR), que tem como auxiliar Luciano Roggenbaum (PR).

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Com todo respeito, mas teu cu!