Flamengo arrecada mais de R$ 100 milhões com Copa do Brasil

Além de premiação pelo título, Rubro-Negro também ganha com bilheteria


Campeão da Copa do Brasil de 2022, o Flamengo também sai da competição com uma vaga na fase de grupos da Libertadores de 2023, além de muito dinheiro em caixa, importante para reforçar o time na próxima temporada. Entre premiações e bilheterias, o Mais Querido conseguiu R$101.502.466,00 milhões.

Deste montante, R$ 76,8 milhões foram só em premiações. O título rendeu R$ 60 milhões, enquanto R$ 16,8 mi foram arrecadados por chegar até à final. O restante, portanto, foi arrecadado com bilheteria. Os números foram levantados primeiramente pelo Espião Estatístico do GE. O segundo lugar ficou com o vice-campeão Corinthians, que arrecadou R$ 56.215.254,00. O São Paulo, que caiu na semifinal, para o próprio Mengão, fecha o top 3, com R$ 32.159.515,00.


Ganhe dinheiro com vitórias do Flamengo



Passada a Copa do Brasil, o Flamengo foca agora em outra final, a da Libertadores, contra o Athletico-PR. A decisão será no dia 29, em jogo único, no Estádio Monumental Romero Isidro Carbo, na cidade equatoriana de Guayaquil. O vencedor embolsará 16 milhões de dólares (cerca de R$ 83 milhões na cotação atual).

Enquanto a final da Libertadores não chega, o Flamengo tem dois compromissos pelo Campeonato Brasileiro, sendo o primeiro já neste sábado (22), contra o América-MG, na Arena Independência. A bola vai rolar às 19h (horário de Brasília), pela 33ª rodada da competição. O Coluna do Fla, como sempre, fará a transmissão mais rubro-negra da internet, com narração do craque Rafa Penido. Três dias depois (25), o Mais Querido recebe o Santos, no último compromisso diante da torcida antes da grande decisão.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • LA VEM O MENGAO, CHEIO DE PAIXAO… PARTIU QATAR, PARTIU QATAR, PARTIU QATAR…

  • Depois vem alguns idiotas reclamar e pedir fair play financeiro… arrecadação quase o dobro do segundo que mais arrecadou… e acham que os números do Flamengo não batem. Preocupam-se mais com as finanças do Fla, enquanto seus clubes se afundam em dívidas ou foram vendidos por migalhas.