Fabiano de Abreu: “Se não fosse por erro do técnico, hoje teríamos Brasil x Uruguai”

Por: Fabiano de Abreu

Por um acaso precisa ser especialista para saber que Arrascaeta não poderia ter ficado na reserva nas duas primeiras partidas? Bom para Portugal, não é? Pois se o selecionador uruguaio colocasse essa mesma formação contra Gana, contra Portugal, seria mais complicado com a nossa defesa a pagão.

Está na hora de pararem de dar privilégios aos que jogam na Europa e pensar nos que se destacam nos países onde jogam. Historicamente, as equipas nacionais do Brasil sempre chegam às finais dos mundiais e, mesmo sem as grandes estrelas do mundo, com menores investimentos, dão trabalho e às vezes vencem.


As melhores ofertas para produtos do Flamengo: aproveite desconto e brindes!


O que quero dizer com isso é que, Arrascaeta destaca-se no Flamengo, e este por sua vez pode vencer um Real Madrid (ESP). Vale lembrar que, em 2019, batemos na trave contra o Liverpool, sendo derrotados apenas na prorrogação, com um gol marcado no contra-ataque. Por que não acreditar agora?!

Hoje, dia 05 de dezembro, teríamos um grande Brasil x Uruguai nas oitavas de final da Copa do Mundo, clássico de grande rivalidade e que já chegou a decidir a competição. Mas pela teimosia e preciosismo do técnico Diego Alonso, a Celeste perdeu a vaga para a Coreia do Sul. Agora cabe a nós seguirmos torcendo para que os treinadores do nosso continente quebrem os paradigmas e não se prendam ao eurocentrismo futebolístico.

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Já passou da hora de pararem de babar os ovos dos “europeus”. Tem ali alguns que prestam, como Neymar, Vini Jr., Paquetá, Militão, Bruno Guimarães, Rodrygo, Raphinha, Antony… mas tem outros que podem muito bem ser substituídos por jogadores que atuam aqui no Brasil. Isso iria até motivar mais o brasileiro a assistir jogos da Seleção, coisa que ficou no passado, com tanto “europeu” no elenco, muitos que jamais ouvimos falar antes, e contando ainda com o “paneleiro corintiano”, que só tem olhos pros “cumpanheros”. Só faltou perguntar qual era a “ideologia” dos jogadores, pra poder convocar só a turma do “FAZUÉLI”. Esse já vai muito tarde, mas falta ainda conseguirmos nos livrar dos Marquinhos, Thiagos Silvas, Casemiros, Alex Sandros, Freds, Alissons, Gabriéis Jesus, Danis Alves, etc …

  • E daí? Grandes coisas foi o Uruguai na primeira fase, o que está claro é que se a França estivesse completa com certeza poderia entregar a taça…o Brasil pode até ser campeão mas ainda não provou em campo que merece, Tite paneleiro então…