Flamengo é equipe que mais chega à ‘zona de risco’ para adversários, mas peca em efetividade

Compartilhe com os amigos

Estatística aponta os dez melhores times do Brasileirão com ‘presença ofensiva’


Por mais que esteja na quarta colocação, o Flamengo é o time que mais chega ao último terço do campo neste Brasileirão, a ‘zona de risco’, mas peca em efetividade. O Rubro-Negro lidera a média do campeonato, com números bem à frente dos concorrentes diretos que também brigam pelo título.

Em ranking baseado em dados do portal estatístico ‘StatsBomb’, o Flamengo consegue chegar à última faixa do campo ofensiva, em média, 58 vezes por jogo. Por outro lado, o Rubro-Negro tem o quarto melhor ataque do campeonato, com 54 gols. O Palmeiras, líder do Brasileirão, é o quinto no quesito, com 51, mas balançou as redes em 62 oportunidades.

VEJA TOP 10

  • 58 – Flamengo (54 gols)
  • 55 – Bragantino (47)
  • 54 – Fluminense (49)
  • 54 – São Paulo (38)
  • 51 – Palmeiras (62)
  • 49 – Cruzeiro (34)
  • 48 – Atlético-MG (49)
  • 48 – Fortaleza (42)
  • 46 – Botafogo (57)
  • 45 – Corinthians (44)

O último terço do campo corresponde a faixa de ataque mais aguda. Ou seja, o gramado é dividido em três pedaços: o de defesa, o de meio campo e o de ataque. Dessa forma, a fração ofensiva é considerada o ‘último terço do campo’ ou ‘zona de risco’.

Dos atuais integrantes do G4 da tabela de classificação do Brasileirão, apenas o Flamengo também figura no G4 da estatística. Isso porque, no ranking, o Palmeiras é o quinto, o Botafogo é o nono e o Atlético-MG é o sétimo. Desses, somente o time mineiro não possui um ataque com mais gols que o Rubro-Negro: 54 contra 49.

MAIS DOIS JOGOS

Restam mais duas rodadas para o fim do Brasileirão. O Flamengo encara o Cuiabá às 16h (horário de Brasília) deste domingo (03) e o São Paulo, às 21h30 (de Brasília) da próxima quarta-feira (06). Desse modo, os embates no Maracanã e no Morumbi, respectivamente, têm transmissão AO VIVO do Coluna do Fla no YouTube.

Compartilhe com os amigos

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • No último jogo, 5 ou 6 jogadores do Flamengo finalizaram pro gol de fora da área com chances reais de gol, mas a maioria dos chutes terminaram acima das traves e um ou outro rente ao lado.
    Conclusão: FALTA TREINO DE FINALIZAÇÕES de fora da área com bola em movimento simulando situações de jogo.

  • Parabéns Coluna! Demoraram o ano inteiro para descobrir isso.

    Vcs são muito bons. Parabéns! 👏👏👏