Maracanã recebe mais 2 jogos do Flamengo em fevereiro, e goleiro reclama do gramado: “Pé e joelho doem”

Compartilhe com os amigos

Cinco dos seis jogos do Flamengo em fevereiro são no Maracanã


O gramado do Maracanã roubou a cena na vitória do Flamengo por 3 a 0 sobre o Volta Redonda, no último sábado (10). Depois do jogo pela terceira rodada da Taça Guanabara, o treinador Tite e o goleiro Matheus Cunha criticaram duramente o piso do estádio. No entanto, o local ainda recebe mais duas partidas do Fla em fevereiro.

Dos seis jogos do Flamengo neste mês, cinco acontecem no gramado do Maracanã. Após empatar com Vasco (0 a 0) e vencer Botafogo (1 a 0) e Volta Redonda (3 a 0), o Rubro-Negro enfrenta Boavista e Fluminense no ‘Templo Sagrado’. Entretanto, o piso não agrada aos jogadores e nem à comissão técnica do Mais Querido.

DURAS CRÍTICAS DE TITE E MATHEUS CUNHA

Tite escancarou a insatisfação sobre o gramado do Maracanã na coletiva após vitória sobre o Volta Redonda. Sendo assim, ao lado do auxiliar Matheus Bachi, o treinador subiu o tom da fala e foi convicto ao dizer que a situação da grama está “inadmissível”.

É inadmissível o Maracanã ter esse gramado. Não sei quem é o responsável, estou falando o diagnóstico. Parabéns ao Felipe (treinador do Volta Redonda), que é da nova geração de treinadores que me agradam, que gostam de jogar, gostam da bola, que querem jogar. O lance do segundo gol, de pênalti, prejudicou o Volta Redonda. O pênalti aconteceu porque o gramado prejudicou o jogador do Volta Redonda. Tem que ser melhor para todos. Não dá para ter um campo assim. Não dá — disse o técnico.

Matheus Cunha também rasgou críticas ao gramado do Maracanã depois do jogo de sábado (10). Isso porque, o goleiro do Flamengo falou em zona mista que o piso “está muito ruim”, prejudicando fisicamente os atletas.

— O gramado está muito ruim, muito duro. O Ayrton (Lucas) bate um lateral, a bola quica no gramado e passa por cima do gol, para você ter noção do quanto está ruim. Na hora que você vai dar um lançamento, o pé de apoio e o joelho doem. Isso atrapalha, porque o Flamengo é um time que gosta de ter a bola. Tem que recalcular o passe, o domínio, tudo. O Flamengo precisa de um gramado bom — completou o goleiro.

PRÓXIMO JOGO É FORA DO MARACANÃ

Após três jogos seguidos no Maracanã, o Flamengo viaja a Aracaju, em Sergipe, para enfrentar o Bangu. Dessa forma, o duelo pela oitava rodada da Taça Guanabara acontece às 21h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira (15), na Arena Batistão. O Coluna do Fla, inclusive, transmite o embate AO VIVO, via YouTube.

Compartilhe com os amigos

Veja também

Participe da conversa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Se não conseguem nem arrumar a P**** do gramado, quanto mais construir o novo estádio!!!