Após boa atuação, Éverton Ribeiro explica posicionamento com Diego

Éverton Ribeiro voltou a ser titular na vitória por 2 a 0 sobre o Sport e mostrou porque muitos torcedores pedem sua presença no time. Correu, chutou, passou, foi incisivo, chamou a responsabilidade e, por fim, foi premiado com um gol. A polêmica levantada por Reinaldo Rueda acerca da presença do camisa 7 ao lado de Diego ficou de lado. Afinal, pelo menos contra os pernambucanos, os dois se entenderam muito bem.

“Rueda pediu para começar pela direita, mas deixou livre, se precisasse trocaria. No final do primeiro tempo trocamos um pouco (ele e Diego). Fizemos dois gols em cruzamentos. Variamos muito. Eu e Diego nos entendemos bem. Saímos vencedores e merecedores. Conversamos por jogar ali perto (Diego). Conversamos que um estaria aberto e outro no meio. Deu certo. Conseguimos encaixar as jogadas”, analisou o meia.

O próximo confronto do Flamengo é contra a Chapecoense, na quarta-feira (20), pela volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Éverton Ribeiro espera poder ter mais uma chance de mostrar seu futebol ao colombiano.

“Se no futebol é complicado. Quando tiver oportunidade, tem que entrar bem. Tem também a Copa do Brasil, mas não posso jogar. A gente entende. Estou aqui para ajudar a equipe sempre que puder”, finalizou.


Veja mais:


Contra a Chape, um empate sem gols leva a decisão para os pênaltis. Caso a igualdade seja de 1 a 1 para cima, a vaga é dos catarinenses, pelo critério do gol qualificado. A equipe que vencer avança para as quartas de final.

Veja também

  • Cara
    Se MA e Gabriel podem jogar,então meu avó pode.
    #VOLTAZICO

  • “Boa atuação” passou longe disso.

    • o Evertton Ribeiro foi bem, o time não…nem perto disso…alias é um time com uma preguiça (a mesma da época do Zé Ricardo). Eu vou dar tempo ao Rueda pois ele acabou de chegar e torço para que a performance melhore, mas acho que o mais importante é a barca do final do ano…

  • RUEDA nunca disse que não iria colocar os dois juntos, o problema é que ele tinha que testar o time da CB, por isso colocava o BERRIO. MAs deve voltar a colocar so um dos dois nos próximos jogos, ou pelo menos no jogo contra o AVAI no brasileirão.
    Depois da final da CB, os dois vao jogar juntos sempre, era OBVIO que o cara sabe que os dois podem jogar juntos.
    Acho que ontem foi so uma resposta para esses comentaristas lixos que fica enchendo o saco do cara que começou agora.

    • Dois jogadores inteligentes podem jogar juntos sempre, cabe ao treinador e eles mesmos em campo achar um jeito!!

    • É o pessoal q só lê manchete, cara.

  • Dá pra jogar junto e fico feliz pelo Rueda não ser teimoso nem orgulhoso e testou os 2 juntos. Pelo que aconteceu ontem é nítido que é só questão de tempo pra se entrosarem. A gente perde poder de marcação mas ganhamos demais em qualidade ofensiva. No final da partida o Everton nem tava voltando mais pra marcar. Mas com o tempo acredito que tudo se acertará.

  • “Eu e Diego nos entendemos bem. Saímos vencedores e merecedores. Conversamos por jogar ali perto (Diego). Conversamos que um estaria aberto e outro no meio. Deu certo. Conseguimos encaixar as jogadas”, analisou o meia.” Como dois jogadores desse nível não podem atuar juntos…claro que sim e devem. Ontem mais uma vez ficou claro isso. Com o Zé apesar de tudo eles jogavam juntos e bem…acho que Rueda entendeu. Os jogadores tem que ter autonomia, se entender em campo, dialogar. Sinto falta disso no Fla. Não é só deixar tudo nas mãos do Técnico e se omitir.

  • Ontem deu para ver claramente q dá, e muito, para os dois jogarem juntos.

  • Diego – ER7
    Guerrero
    São disparados os melhores do time, se não renderem…

Comentários não são permitidos.