ESPN: “Compare Diego e Thiago Neves, os cérebros de Flamengo e Cruzeiro”

De um lado, Diego. De outro, Thiago Neves. Dois dos melhores meias em atividade no país atualmente, opostos na decisão da Copa do Brasil, entre Flamengo e Cruzeiro, que tem jogo de ida na próxima quinta-feira.

Se a resposta sobre quem leva a melhor no duelo é ingrata, os números ajudam a entender a importância dos dois jogadores para os finalistas – não por acaso, ambos foram destaque na classificação nas semifinais, com gol decisivo de Diego e pênalti derradeiro convertido por Thiago Neves.

Com base nas estatísticas do Trumedia, banco de dados exclusivo da ESPN, os dois meias, por exemplo, aparecem como líderes em assistências de Flamengo e Cruzeiro considerando as principais competições de cada equipe na temporada. São cinco passes para gol de Diego e oito de Thiago Neves.

Mais do que servir, o camisa 30 celeste ainda tem demonstrado faro artilheiro, liderando a lista de goleadores do Cruzeiro, com dez gols – considerando Brasileiro, Copa do Brasil e Sul-Americana. Já Diego – nas mesmas competições e também na Libertadores – marcou oito, atrás apenas de Paolo Guerrero.

Para marcar mais, Thiago Neves também bate Diego no número de finalizações, chutando mais do que o dobro de vezes do rival (104 a 45). Além disso, é mais certeiro, com aproveitamento de 46% nos tiros (48 no alvo), enquanto o flamenguista tem 38% (17 certos).

Já nos passes, os dois têm números parecidos, com Diego um pouco mais preciso, embora Thiago Neves seja mais acionado. Dos 1221 passes que tentou, o camisa 35 rubro-negro acertou 971 (79% de aproveitamento), enquanto o cruzeirense, 961 em um total de 1276 (75%).

Na movimentação em campo, os mapas de calor do Trumedia também revelam semelhanças entre os “cérebros” de Flamengo e Cruzeiro. Tanto Diego, quanto Thiago Neves jogam centralizados, mas com liberdade para cair pelas pontas. O segundo entra um pouco mais na área, embora tenha sido dali que o rubro-negro fez o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, na volta da semifinal, no Maracanã.

Mapa de calor de Diego (Reprodução: ESPN/Trumedia)
Mapa de calor de Thiago Neves (Reprodução: ESPN/Trumedia)

Ao considerar a direção dos passes dos dois, contudo, a área mais próxima ao gol é muito mais frequente: tanto Diego, quanto Thiago Neves municiam seus atacantes e, não por acaso, se destacam nas assistências.


Veja mais:


A direção dos passes de Diego também indica uma parceria importante pelo lado esquerdo do ataque, normalmente com Trauco ou mesmo com Everton. O flamenguista também distribuiu mais o jogo na comparação com Thiago Neves, que tem seus passes em setores mais concentrados do campo.

Mapa de calor mostra para onde vão passes de Diego no Flamengo (Reprodução: ESPN/Trumedia)
Mapa de calor mostra para onde vão passes de Thiago Neves no Cruzeiro (Reprodução: ESPN/Trumedia)

Fonte: espn.com.br

Veja também

  • Uma coisa é certa, pelo valor que o DIego ganha, pelo que representa a torcida e pelo que sabemos que ele pode render, esse ano ele está muito aquém do esperado, deu uma melhorada nos ultimos jogos, mas assim como cobramos o Guerrero pela falta de gols o Diego deve ser cobrado pela seu rendimento… no Momento Hernanes do São Paulo e Thiago Neves do Cruzeiro estão sendo mais importante para seus times.

  • Um ponto que eu acho curioso: Quando o jogador do Flamengo tem um salário mais caro em comparação ao rival eles fazem questão de destacar, como nesse caso o Salário do Thiago Neves é bem mais alto, eles figem que não sabem.

    • não sei se o thiago neves ganha mais que os 650 mil do Diego Junior, acredito que não, e se for mais é pouca coisa.

      • Ele recebeu 200 mil reais por participar de 40 partidas, isso acrescido ao salário dele dá 956 mil por mês, a diferença é grande, não acha?

Comentários não são permitidos.